Autor Tópico: Regulamentação e controle do Karate Do  (Lida 10947 vezes)

Offline Ilson MSP

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 331
  • Votos: +0/-0
Regulamentação e controle do Karate Do
« Online: Fevereiro 01, 2012, 11:13:40 »
Osu

Por sugestão do Sensei Lezon estou abrindo este novo tópico relacionado a uma possível (ou impossível) regulamentação do Karate Do brasileiro. Para quem não acompanhou o debate, este estava sendo realizado no tópico JKA do Brasil - taxas.
E então voces acham possível esta regulamentação de modo que o nome Karate Do possa a vir ser respeitado e para que se possa por um fim aos picaretas e aproveitadores de plantão, de modo que não se crie uma desgraça a cada esquina envolvendo o nome Karate Do?

Osu
"Só sei que nada sei" (Sócrates)

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #1 Online: Fevereiro 01, 2012, 12:22:32 »
Amigo Ilson,

Só esta sua atitude é reveladora de alguém que está interessado na possibilidade de que no Brasil as coisas no que respeita ao Karate, tome outro rumo bem diferente do atual.

É óbvio que há um longo caminho a percorrer mas, sem trabalho e preseverança, nada se consegue. Aqueles amigos que frequentam este fórum e que desejam mesmo mudar a situação atual, devem manifestar-se aqui neste tópico, dizendo o que pensam e dando ideias para que nasça algo e/ou um projecto que vá mexer com a situação.

Eu sou um simples cidadão que me preocupo com a nossa Arte maravilhosa que é o Karate. Tudo que eu possa contribuir para que se acabe com a picaretagem, contem comigo. Por isso, aqui faço um apelo aos meus amigos que conheço aí no Brasil e aqui do fórum, para que todos aqui exprimamos o nosso sentir, as nossas ideias sobre a questão, a fim de que no final saia algo que vá dar início à mudança do estado atual em que o Karate está nesse grandioso país.

Amigos Pedro, Ari, Pedro Santana, Yama, Luiz, Gustavo, Simões, etc,etc, digam aqui o que se vos oferece dizer sobre o estado geral e do que realmente querem e desajm para o Karate. 

O debate está a berto...

Hai!  Oss!
Lezon
Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline ToraNoMaki

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 434
  • Votos: +2/-0
    • http://www.kenshinkan.com.br
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #2 Online: Fevereiro 01, 2012, 13:16:46 »
Oss pessoal, boa tarde.

Toda longa caminhada começa com o primeiro passo. E este já foi dado. Já há um grupo se movendo, com pessoas dignas e muito bem intencionadas.

Sugiro que o grupo que se formou aqui no fórum se apoie e que procure participar das iniciativas de nossos colegas (os idôneos, claro).

Oss!




Offline NKS

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 114
  • Votos: +0/-0
  • Estudar, praticar e aperfeiçoar-se sempre.
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #3 Online: Fevereiro 01, 2012, 13:18:31 »
O pessoal do alto escalao do COB nao gosta da conducao da maior organizacao em evidencia...eh uma pena que esta organização nao seja agregador..., poderiamos ter um Karate Mundialmente forte, unificando todas as organizações em um mesmo objetivo e dando oportunidades legitimas aos melhores uma vez que o Brasil eh de territorio continental...assim todos nos ganhariamos indiretamente, pois o Brasil segundo um gde mestre tem condicoes de ser o primeiro colocado mundialmente por ter mto bons atletas...deveria ser como eh no Japao com a JKF, onde tem a wadokay, jka, jks e etc, participando juntas no maior evento de competicao com vizibilidade mundial, sem briga, sem politica, com tecnicos da jka, jks e wado, e assim todos ganham inclusive com trasmissao ao vivo e patrocinio real, por isso se esta organizacao lider for conduzida por uma pessoa mto boa, sem interesse, agregador e conciliador, as demais conhecidas organizacoes como tradicional, a jks, a jka, a ski, shorin, goju, wado irao aderir mto mais sem perder suas identidades organizacionais, pois na informalidade todos querem. O TKD esta mto ruim com tendencias a sair, mas teriamos que agir rapido para que em 2020 tenhamos serias e verdadeiras oportunidades em um evento de gde visibilidade, mas se demorar vai virar mais bagunca e ai nunca mais...por isso a pessoa que fosse assumir a organizacao que esta em maior evidencia no Brasil tera que ser humilde, lider, sem interesse, honesto, conciliador e agregador, sem vicios, serio, inteligente, so assim o Karate no Brasil tera chances...temos que lutar e ajudar esta pessoa, e se for realmente boa com estes requesitos, ajudamos na empreitada de unificar todos em um mesmo guarda-chuva, pois como disse, indiretamente todos ganharao mto mais do que tem hj sozinhas, com academias de boa infraestrutura e cheias, temos reais chances mas para tanto precisamos de otimos lideres...e criterio e bom senso na formacao dos karatecas.
Oss!

Offline biancuzzi

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 201
  • Votos: +1/-0
    • Kenshusei Karate
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #4 Online: Fevereiro 01, 2012, 13:40:54 »
Antes de levarmos adiante tais discussões, devemos nos perguntar: Do que isso vai adiantar? Existe alguém, ou um grupo, que terá coragem de levar isso a orgãos regulamentadores e fazer exigir tais mudanças?

Não adianta ficar cada um dando idéias sobre uma regulamentação que seria muito boa num mundo ilosório e perfeito, mas nada ser feito para que isso seja concretizado.
Não deixem de acessar:
http://www.kenshuseikarate.com.br

Quer kimono de qualidade?
Acesse: http://loja.kenshuseikarate.com.br

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #5 Online: Fevereiro 01, 2012, 14:09:31 »
Antes de levarmos adiante tais discussões, devemos nos perguntar: Do que isso vai adiantar? Existe alguém, ou um grupo, que terá coragem de levar isso a orgãos regulamentadores e fazer exigir tais mudanças?

Não adianta ficar cada um dando idéias sobre uma regulamentação que seria muito boa num mundo ilosório e perfeito, mas nada ser feito para que isso seja concretizado.

Caro biancuzzi,

Se observar, a sua colocação está já carregada de negativismo e sem qualquer incentivo para a mudança. Se reparar, no seu último parágrafo observa que nada é feito para que as coisas se concretizem. Então...seja o primeiro a manifestar interessa em fazer algo para a sua concretização, nem que diga apenas vamos tentar...Será que não tem uma só ideia? Vá, sejamos positivistas.

Meus caros,

Eu estou mais ou menos por dentro do que se passa aí no Brasil, uma vez que estive a residir no Rio quase 3 anos. Enquanto aí estive, fiz algumas coisas, ouvi muita gente e se não fosse ter vindo embora, estaria já muito mais integrado e a mexer alguns cordelinhos...Eu fui um dos impulsionadores para a realização do 1º.eminário do Karateca Net que se realizou em Santos. Estive quase para entrar na federação do Rio, mas como tinha de vir embora, abandonei a ideia. Mas agora, apesar de estar longe, poderei ajudar no que puder, debatendo ideias e dar conhecimento do que se vai passando por aqui.
Não pensem que aqui tudo foi fácil. Também se viveram aqui momentos e exemplos como os daí. Houve muita coisa a debater e a esgrimir durante alguns anos. Mas conseguiu-se! Aí, tudo se conseguirá com toda a certeza, poderá levar tempo, mas creiam que se conseguirá, desde que os homens de boa fé, competentes e responsaveis assim o queiram. Mas sem trabalho nada se consegue, como é óbvio.
Vá, falem mais um pouco e transmitem as vossas ideias. Vamos a isso.

Hai! Oss!
Lezon       
Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.859
  • Votos: +14/-25
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #6 Online: Fevereiro 01, 2012, 14:21:05 »
OLÁ!
No Brasil nada anda corretamente.
Se nem os Ministérios, as Assembleias e as Camaras são honestas e capazes, Vcs. tem esperança nas federações e confederações?
O problema são os brasileiros.
Oss
Pedro 
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #7 Online: Fevereiro 01, 2012, 14:51:47 »
Sensei Pedro,

Eu entendo perfeitamente sua falta de otimismo com relação ao assunto. Porém, acho que o senhor, junto com outros que tem reconhecimento dentro do karatê, tem (se me permitir dizer assim, e não me interprete mal), o dever de continuar tentando. Pois pode não dar solução em sua geração, mas as sementes plantadas hoje germinarão no futuro.

Não sei o que pode acontecer se houver uma organização nesse nível que o pessoal está desejando, mas acho que vale sempre apena acreditar...

Um abraço e fique com Deus!!!

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.859
  • Votos: +14/-25
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #8 Online: Fevereiro 01, 2012, 15:16:23 »
Olá!
 Caro Alexander, entendo o seu questionamento, porém enquanto tentar
eu prefiro ficar quieto treinando.
Mesmo porque sei que a maioria espera sempre o novo porque não entende o velho.
Oss
Pedro
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #9 Online: Fevereiro 01, 2012, 18:32:57 »
Amigo Pedro,

Eu precisava de estar aí perto de vós para vos arrastar a fazer parte de uma Comissão de Karatecas sérios e competentes, para levarmos o assunto a ser devidamente apresentado às instâncias governamentais.

Como não estou infelizmente aí, lembro que nos dias de hoje há até possibilidades de apresentar um projecto via e-mail, com conhecimento antecipado a pessoa com alguma influência no meio governamental. O que é preciso é querer-se meu excelente amigo.

Pessoas como o Pedro, Carlos Rocha, Enio, Pedro Santana, etc, podem e devem tratar de construirem os alicerces para que se mude o estado das coisas.

Hai!  Oss!
Lezon  
« Última modificação: Fevereiro 01, 2012, 18:37:45 por J.Lezon »
Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline biancuzzi

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 201
  • Votos: +1/-0
    • Kenshusei Karate
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #10 Online: Fevereiro 01, 2012, 19:59:56 »
Meu caro J.Lezon,

Minhas palavras foram exatamente para causar esse tipo de reação.
Não pense que sou uma pessoa negativista, pois não sou. Pra você ter uma idéia, moro em um condomínio que desde que estou aqui, já fiz parte de conselho, síndico e participo ativamente para defender meus direitos e brigar para a melhora de tal.

Como cidadão, estou sempre em contato com as decisões que estão sendo tomadas e sempre que possível, participo de audiências públicas e etc.

Como você pode ver, não sou o tipo de pessoa que fica com a bunda numa cadeira apenas criticando. Eu arregaço as mangas!

Eu disse o que eu disse porque isso é uma coisa que acontece muito. Todo mundo fica "nas esquinas" metendo o pau e falando como deveria ser ou deixar de ser. Mas na hora de fazer, são os primeiros a pular fora.

Vou contar uma histórinha que aconteceu comigo na época de síndico:
Eu fiz um projeto para instação de sistema de segurança aqui e levei para aprovação em assembléia.
Apareceram uma dúzia de pessoas colocando defeitos neste projeto. Várias disseram trabalhar na área e que existiam métodos melhores e mais baratos.
Então, elegi essas mesmas pessoas numa comissão para montarmos um novo projeto. Marquei reunião para o dia seguinte para discutirmos o projeto. Sabe quantas apareceram?
NENHUMA!!!!

A grande verdade é essa. Na surdina é fácil falar. Na hora de agir e ter que bater de frente com peixe graúdo, ficam com o $%&! na mão.
Aí o que acontece? Os poucos que têm coragem de fazer isso ficam sem voz. Afinal, uma andorinha só não faz verão!


OSS!
Não deixem de acessar:
http://www.kenshuseikarate.com.br

Quer kimono de qualidade?
Acesse: http://loja.kenshuseikarate.com.br

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.859
  • Votos: +14/-25
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #11 Online: Fevereiro 01, 2012, 20:11:46 »
Olá!
 Caro Amigo Lezon,o Karate não necessita de federações ou confederações,
em minha humilde opinião, necessita somente de muito treino, estudo e rigida disciplina.
O resto é politica.
Existem Senseis que ainda tem muito da essência do Karate e felizmente Kohais que
o seguem e juntos manterão sempre o verdadeiro Karate.
Quando tiver tempo sobrando, não o gastarei fazendo ou organizando grupos,
treinarei mais Karate.
E quando for a Portugal (espero que seja breve) vou treinar com Vc. o seu Wado que sei que para mim será de grande valia.
Só não sei se Vc. vai ter paciência comigo rsrsrs
Abraços
Hai
Pedro
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

Offline Ilson MSP

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 331
  • Votos: +0/-0
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #12 Online: Fevereiro 01, 2012, 21:19:39 »
Osu

Sensei Pedro, estou entendendo sua colocação, entretanto acredito no que desejamos aqui seja algo maior do que federações ou confederações, destas nosso país já esta cheio.

Como o Sensei Lezon comentou, precisamos de uma entidade governamental (que seja) para controlar a zona que se instalou no Brasil em relação ao Karate seja no sentido do Budo seja no sentido puramente esportivista da coisa, sei que o senhor como grande karateca que é fica muito "puto" quando assiste aqueles vídeos lazarentos onde algum zé ruela se intitula 24 dan, chama a porcaria de carate alguma coisa e fode com a arte. Se existisse um orgão fiscalizador que afirmasse claramente isto é Karate Do (seja marcial ou esportivista) e isso é qualquer coisa menos Karate Do, portanto não pode usar esse nome ou suas associações de termo, eu já ficaria satisfeito com esse começo!

E caro biancuzzi, quanto a ficar segurando na mão o orifício enrrugado responsável pela ato final da digestão, isso é com voce e suas negas, se quiser colaborar e ser como o cidadão que voce se descreveu, seja, se não, não seja mais um negativista reclamão que além de não ajudar ainda faz questão de atrapalhar...

Sabemos que em nosso país as coisas andam a passo de tartaruga, mas mesmo assim, como bem disse o Alexander, devemos acreditar, afinal não somos apenas karatecas, somos educadores físicos, advogados, pedagogos, engenheiros, médicos, fisioterapeutas, somos tanta coisa, será que não esta na hora de fazermos alguma coisa de verdade pelo Karate Do em nosso país, já que o Karate Do fez tanto pela gente?

Osu
"Só sei que nada sei" (Sócrates)

Offline katsumoto

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.935
  • Votos: +1/-19
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #13 Online: Fevereiro 01, 2012, 21:37:11 »
Me desculpem, mas nao vi nada de errado no post do Biancuzzi.
è assim mesmo que acontece, a maioria dos Brasileiros ainda precisa aprender o que é ser Cidadão de VERDADE.
Incredulidade se deve a esse povinho que nao REAGE a nada. Quem sabe se proibirem o Carnaval ou a Cerveja a coisa mude....
Aos que ainda tem esperança que alguma coisa mude..meus pesames amigos.
Coloquem a cadeirinha e esperem!!!!

PAIS PRIVADA!!!!
KATSUMOTO-Prof. Roberto Sant Anna

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Regulamentação e controle do Karate Do
« Resposta #14 Online: Fevereiro 01, 2012, 21:57:58 »
  • Autorização para 2o, 1o kyus e yoshandas *** que estiverem interessados ***    participarem de eventos de kickboxing e MMA por parte da CBK, JKA e CBKT. Com os erros e acertos trazidos, as técnicas para jyu kumites e os shiais de competição tornariam nosso karatê imbatível no globo terrestre. Já postei diversas vezes e em todas não obtive respostas sobre tais autorizações. Por este motivo desconfio que tais confederações ameaçam com punição/castração/empalamento os atletas que possam fazer isso;
  • CREF regulando e fiscalizando as artes marciais. Qualquer dos colegas que não tenha acompanhado, basta digitar "CREF" na ferramenta de busca do karateca.net que encontrará tudo o que já foi discutido e, se refletir a respeito das ponderações, constatarão que de fato esta fiscalização é necessária;
  • Pré-disposição para aceitar mudanças. Arte marcial é algo dinâmico, que obrigatoriamente precisa passar por adaptações e modernizações, ao contrário do Yoga, por exemplo. Qualquer um dos "lados" (temos mais que dois!) que se demonstrar indisposto, nenhum progresso haverá. Estamos no país do Vale-Tudo. O mundo das lutas gravita em torno dos lutadores de MMA brasileiros. Gente de todos os lugares vem pra cá, buscar meios de entenderem de onde vem o know-how para se lutar sob um conjunto de regras mínimo. Como deixar esse cavalo encilhado e não montá-lo?
  • Amor incondicional à terra mãe. Eu amo o meu país, eu amo o meu povo. Já conhheci americano safado, japonês safado, finlandês safado, italiano safado, inglês safado, alemão safado, todos povos com mil anos de vida a mais que nós brasileiros. E por que em meu país não haveria de ocorrer tal espécie? Infelizmente a maior certeza do mundo que tenho é que quanto mais distante, quanto mais alheio fiquei em todas as tomadas de decisão na minha vida profissional, nos condomínios onde morei, na representatividade de vereadores, deputados, prefeito, governador e presidente, mais eu ganhei o que não estava esperando.
  • Legislação apropriada. O exemplo que sensei Lezon trouxe de como funciona em Portugal, conversado comigo e com o Ilson, é pra lá de bom de ser implementado. Por que é simples. Fico com aquele.
  • Gestão fiscalizada por oposição. Haver um equilíbrio de forças antagônicas que permitiriam que os gestores fossem obrigados a executarem atos lícitos por saberem que seriam ininterruptamente fiscalizados por quem estivesse de olho.
  • Rotatividade. Proibir provisoriamente a reeleição até que houvesse uma oxigenação no karatê. Depois de um tempo, líderes natos, com visão de liderança, viriam a surgir, dentre as forças antagônicas poderiam experimentar UMA reeleição

   Bom, estes são meus palpites em termos de ingredientes necessários para haver uma política, regulamentação e fiscalização e colocação do Karatê no Brasil em seu devido lugar de honra.

[]´s
BigBoy