Autor Tópico: Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?  (Lida 13479 vezes)

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.666
  • Votos: +1/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #30 Online: Outubro 29, 2012, 12:52:24 »
Luciano,

Onde treino tem pessoas que saem como o Gi encharcado (que é o meu caso) e outras que saem com ele completamente seco. O treino é igual para todos (salvo conteúdo específicos para os mais graduados).
Então vai do empenho de cada um. Mas no seu caso, acho que a mudança de Sensei fez diferença.

OSS.
Karate Wado Ryu

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.245
  • Votos: +1/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #31 Online: Outubro 29, 2012, 13:19:33 »
Estava conversando com um colega de trabalho que treina box. Ele estava reclamando que estava com dores nas mãos por causa do treino. Eu então na minha "ingenuidade" perguntei se ele tinha dado socos sem luva. Então ele me olhou com uma cara de espanto e disse: "Não, claro que não. Socar sem luvas machuca as mãos!" :o :P (Eu sei que tem muito lutador de MT que diz e pensa o mesmo.)
Então assim (pelos apanhados que li neste tópico): karatê não serve para preparação física, karatê não serve para DP, karatê é meio gay, karatê não machuca.
PAREI! Acho então que não pratico karatê. Devo praticar alguma coisa bem diferente. Neste caso devo procurar um fórum que fale desta arte marcial..... :P ::)

Não fique bravo, GEM.... Gustavão deve estar se rolando de rir de ter criado esse flame.  ;D

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.666
  • Votos: +1/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #32 Online: Outubro 29, 2012, 13:38:45 »
Big, fico bravo porque ainda não pude voltar a treinar (só umas escapadinhas de leve, sem meu médico saber ;D). ;)
Karate Wado Ryu

Offline Gustavo-RJ

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.475
  • Votos: +5/-2
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #33 Online: Outubro 29, 2012, 19:56:35 »
Eu me lembro quando treinavamos ainda com o Takeuchi, que de vez enquando ele mudava drasticamente o tipo de aula, usava elasticos, bolinhas, a propria faixa, ou a parte de cima do kimono.

Hoje entendo que era para quebrar a monotonia de tantos e tantos kihons.

AMANHÃ TEM MUAI THAI.  ;D
"Ai se eu te pego, ai, ai."
Gustavo-RJ

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.013
  • Votos: +0/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #34 Online: Outubro 29, 2012, 20:53:58 »
As vezes o Guicomes é meio sem noção nas palavras, mas raramente o que ele escreve é sem sentido (falo assim sem medo que o amigo Guicomes fique bravo comigo, pois ele sabe como o respeito).

Kihon, kata, kumitê, é fundamental para a formação de um karateca (eu acredito fielmente nisso), você não terá um kumitê forte, sem kihon e kata fortes também... entretanto, o mundo das lutas mudou... não tem mais espaço para o cara que só quer fazer isso. Isso em qualquer luta... não pode ficar só no saco e punching ball como o boxe (estou exagerando tá), no movimento diante do espelho de levantar o joelho para ensaiar a melhor forma de bloquear um chute com a canela como o MT, e nem treinar um milhão de chaves e estrangulamentos como no BJJ (tudo no exagero). Hoje, com a popularização das lutas, e com a vontade das pessoas de treinarem uma arte marcial como forma de atividade física (isso é uma realidade que não pode ser negada e muito menos desprezada pelos professores), a qualidade física subiu muito. Com ela também subiu a qualidade técnica, não há como negar.

Uma academia de karatê tradicional, pode ser sim chamativa, se o sensei for antenado com as técnicas de exercícios físicos, tiver uma boa dinâmica de aula e uma coisa que a muitos senseis pecam... não deixar o aluno sozinho!!! Quero dizer meus amigos, que muitas vezes, no treino padrão de karatê, um aluno fica perdido na aula porque o sensei não dá aquela atenção...

Veja como são os treinos de BJJ, o professor fica praticamente em cima do aluno enquanto ele faz as evoluções... nessa aula de MT que o amigo Gustavo está falando, é dinâmico e o aluno se sente amparado pelo professor... no karatê, muitas vezes por causa da cultura que temos que com a repetição o cara vai aprender, realmente aprende, mas isso não é confortável...

Sei que alguém vai dizer, "mas karatê não tem que ser confortável"... isso funciona para mim, que queria aprender karatê e ainda quero muito, para outros que tem de karatê o que eu tenho de vida e até mais, mas para o público que tem poder de pagar, e que está disposto a pagar pra ter uma atividade que muitas vezes vai suprir uma falta que a pessoa tenha, ficar lá no final do dojo, fazendo movimentos, se sentindo um retardado por não conseguir fazer os movimentos corretos, e que muitas vezes (na nossa sociedade é tão comum) não lida bem com frustrações por já ter muitas em suas vidas, isso não funciona.

Estou mantendo uma conversa com o amigo Eros, e estamos falando muito sobre diversos temas relacionados a tradicionalismo, budo e outras coisas, e a conclusão que tenho chegado, é que o karatê DÔ tem todo o espaço para continuar aí no mercado, mas não é por ser DÔ, que ele tem que ser igual ao karatê de Okinawa.

Não vou me alongar mais... por isso, fiquem com Deus e um abraço!!!

Offline Mestre Luciano

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 728
  • Votos: +0/-0
  • Treinando com afinco para lapidar o espírito.
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #35 Online: Outubro 29, 2012, 22:52:52 »
O que o Alexander falou são grandes verdades!

Vivemos em um mundo globalizado, onde a informação circula em grande velocidade, por isso não dá pra esconder NADA de ninguém, como ocorria há algumas décadas atrás!

Treinar Karate com kihon pra frente e pra trás, depois kata, NÃO DÁ! Ninguém quer mais isso!!!
Existem centenas ou até milhares de formas diferentes de fazer kihon! Já disse aqui e REPITO, tenho 1 anos treinando com o sensei Alessandro Barboza e NUNCA, REPITO, NUNCA fiz um treino sequer REPETIDO! Treinamos com elásticos, faixas, bola de pilates, corda, "escadinha", aparadores de chute, luva de foco e etc. O treino de Karatê pode e DEVE ser dinâmico! Não Guedan Barai x Guiaku Tsuki pra frente e recuando Jodan Ague Uke x Guiaku Tsuki! rsrsrsrs Essa $%&! ninguém aguenta! PQP! Haja saco!!!!

Ser professor é mais que transmitir conhecimentos, tem haver com didática  e estímulos! Por isso usar uma faixa preta não faz de ninguém PROFESSOR!

Seu professor faz Kihon pra frente e pra trás e Kata "bonitinho", apenas? Venha treinar com o sensei Alessandro Barboza! rsrsrsrsrs

OBS: Lá não tem Karatê "pula-pula"!

OSS
ルチアーノ - Luciano - Karateca e Judoca.
Kyokai Karatê Dojo        www.kyokai.com.br

O Karatê deve ser treinado e não discutido. OSS

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #36 Online: Outubro 29, 2012, 22:56:52 »
Vai demorar muito tempo para a maioria das pessoas notar que o treino de karate por aí não entrega resultado nenhum.
Pra mim vale aquele ditado japonês: - o professor se mostra quando o aluno está pronto. - Por isso sou contra esses treinos que cada um se puxa o quanto quer. Hoje em dia acho que a culpa de tudo é sempre do Sensei. Se ele te mantiver eternamente um despreparado em seu dojo, a culpa não é sua, mas dele. Ou o treino é bom ou você naturalmete cai fora, ou a escola não é boa.
Aquele negócio de karate ruim - ok; karate bom - ok; karate mais ou menos - não! è verdade.
O adversário vai te machucar e é obrigação do professor fazer cada aluno dar seu máximo nas aulas, afinal seu nome e escola estão em jogo, além da integridade dos amigos e pagantes de seu dojo.
Hoje em dia só treino em dojo onde o objetivo seja tornar todos ali fortes, por isso logicamente só tenho treinado karate com poucos amigos, optando por uma escola de MMA para meu treino regular - E NINGUÉM amador se machuca lá. Como já disse, dojo de karAte é sempre nivelado ao nível dos mais fracos presentes, pois os sensei tem pena. Uma lástima.
Isso ocorre porque nenhum dojo tem time de luta. se tivessem, como dizem ter tido no passado, iam treinar pra valer e de maneira inteligente, pois o medo que esses professores tem de perder alunos ao puxar treinos pesados de condicionamento e sparring se transfeririam pra ter medo de ver seu atleta seriamente machucado por alguém melhor.

O sistema de aprendizado e graduação são totalmente irreais... Mas disso já desisti de debater neste fórum. Duzentos exames de faixa e nego ainda se questiona se sabe se defender, sendo que devia ter aprendido em dois meses. Não estou exagerando no tempo.

Tocou num ponto bem importante Alex, professor bom mantém o aluno ocupado 100% do tempo. É uma das chaves.
Uma curiosidade: um respeitado professor disse que cerca de 90% das lutas amadoras são ganhas com condicionamento físico. Concordo.
Sobre kata, tem certas coisas que poucos consideram. é um desperdício treinar sozinho quando se tem parceiros de treino, e por ai vai no vigente sistema SIM CHEIO DE BURACOS.

Em jANEiro ou fevereiro o mestre Thom HArinck do Chakuriki Gym vem ao brasil (MG) pra quem se interessar.
« Última modificação: Outubro 29, 2012, 23:00:55 por GUICOMES »
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline Marquinhos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 536
  • Votos: +1/-0
  • Hatsu Un Jin Do
    • Marcos Piolla Pugnax Animation
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #37 Online: Outubro 30, 2012, 14:01:49 »
Não concordo muito, Gicomes, com a sua visão do treino dito tradicional. Muita coisa pode e deve ser atualizada, mas o treino de kihon, kata e kumite são as bases do Karate.

O problema, e é aí que nós concordamos, é a forma de treinar. Com que assiduidade e intensidade treinamos... aí que a porca torce o rabo!

Kihon e kata (solo) são ótimas maneiras de condicionamento, mas pra que isso se torne real, tem que fazer com intensidade e inteligência. O grande Muhamad Ali dizia que o golpe que mais cansa é o que passa no vazio. Kihon é isso! Golpes passando no vazio...

O problema é fazer só isso. Veja bem, fazer uma hora de treino ininterrupto, 30 min de kata com força e 30 min de kihon com combinações de chutes e socos é mais exercício do que qualquer um precisa pra se manter saudável. Preparo atlético é outra coisa...

Ainda assim, eu não conheço muita gente que faça uma hora sem parar de kihon ou kata com força máxima e sem descansar. No meu caso, o descanso são flexões de braço e continuo sem parar pra respirar.

Junte a tudo isso, musculação, saco e makiwara, manoplas e jiu kumite, treino com elásticos pra lapidar entradas de golpes e a coisa começa a se completar. Pra ficar completo, só fazendo rotinas de defesa pessoal com aplicações dos kata com os colegas. Pronto! Karate tradicionalíssimo e sem deixar nada a dever a nenhum outro tipo de atividade!

Mas as pessoas, em geral, só querem saber de "lê - lê"! Só farra, modas e diversão. Malhar em academias que tenham ar condicionado, com aparelhagens brilhando que têm que ser trocadas a cada ano pela nova marca da moda. Querem ter prazer e bem estar...

Treino físico só traz bem estar depois! Nunca durante o treino! Exercício é sofrimento, é se desafiar aos limites e achar que vai morrer a cada nova repetição. O resto é fru-fru! Perfumaria...

Quantos alunos VC acha que eu teria se voltasse a ensinar da forma como exigia dos meus alunos? Nada de ventiladores, nada de descanso, nada de água e nada menos do que intensidade máxima nos golpes... quantos? Se eu tivesse apenas um que não desistisse, eu duvido que tivesse muitas pessoas tão bem preparadas quanto esse um (ou uma).

Bom, isso é tudo sem sentido porque parei de ensinar. Ninguém está disposto a dar uma fração do que foi exigido de mim... e eu não me contentarei com menos!

OSS!
Marcos Piolla - OSS!
--------------------------------------
空手道は礼に始まり、礼に終る事を忘れるな。
"Karate-Do começa e termina com respeito"
Shoto - Funakoshi

Offline Cabadapest

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 990
  • Votos: +2/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #38 Online: Outubro 30, 2012, 14:49:39 »
Não sei o que eleger como mais importante: kihon x kata x kumite, todos tem seu peso em importância. Kihon nunca foi socar o vento, quem faz assim não treina karate.

Não sei também quem estaria mais fora do rumo das coisas, aqueles desmotivados que treinam pensando somente em perder a barriga e acham que treinam karate, ou aqueles que pensam que karate é dois brutamontes de kimono se destruindo para provar não sei o que para não sei a quem.

Oss!
"Aquele que está consciente de suas próprias fraquezas será senhor de si mesmo em qualquer situação." Funakoshi.

Offline Rodrigo (Rodfu)

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 776
  • Votos: +0/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #39 Online: Outubro 30, 2012, 14:59:34 »
Marquinhos, entendo que se a parada for a regra o treino acaba durando 15 minutos. Mas não vejo como uma questão a ser tratada de maneira tão radical o caso de ventiladores e água. Qual o ganho em treinar com tanto calor e desidratado? Claro, hidratação pra dias muito quentes e treinos acima de 1h. Vontade a gente pode desenvolver de outras maneiras, acho que não precisa comprometer o treino por causa disso. Mas concordo contigo em praticamente todo o resto. Não vejo o método tradicional como ultrapassado. Incompleto, sim. Mas naquela época, o treino não ficava resumido em kata e kihon. Tinha aplicação do kata, musculação, makiwara. O Funakoshi, até idoso, usava geta só pra fortalecer as pernas. Musculação aos 90 anos.


Guicomes, tem maiores informações sobre o evento?
Abraços,
Rodrigo

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #40 Online: Outubro 30, 2012, 16:22:50 »
Rodrigo, vi no twitter dele:
Thom Harinck ‏@chakurikikancho
@BrMassami yes i Will come to Brasil for big semenair in Jan or febr osu
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline Gustavo-RJ

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.475
  • Votos: +5/-2
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #41 Online: Outubro 30, 2012, 17:48:56 »
Uma vez meu ultimo professor, Fernando Atahyde, disse:
O Japones põe mil pessoas dando mil socos. Um soco vai sair perfeito.
Meu objetivo e pegar 1 cara ensinar a dar 1 soco e que esse seja perfeito.

Eu acho que isso sintetiza, que o passado ficou para traz. O karate que mais cresce é o WKF e não é a toa que é mutio mais dinamico. Vajam os treinos intervalados, circuitados, variados, com novos acessorios que eles usam.

Não podemos continuar a ouvir disco na vitrola. Dirão alguns que o Vinil é muito melhor que o CD, mas convenhamos...............futuro zero.

Gosto do karate antigo, mas ninguem mais tem 10 anos para investir nisso, temos de nos modernizar pra atrair novos alunos.
"Ai se eu te pego, ai, ai."
Gustavo-RJ

Offline Tsuki

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.054
  • Votos: +1/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #42 Online: Outubro 30, 2012, 18:16:01 »
Oras! Nao dá para aliar o antigo ao novo??
Oq define um bom Karateka segundo Shoshin Nagamine:

"Punho infernal, coração santo."

Offline Cabadapest

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 990
  • Votos: +2/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #43 Online: Outubro 30, 2012, 18:30:59 »
Uma vez meu ultimo professor, Fernando Atahyde, disse:
O Japones põe mil pessoas dando mil socos. Um soco vai sair perfeito.
Meu objetivo e pegar 1 cara ensinar a dar 1 soco e que esse seja perfeito.

Eu acho que isso sintetiza, que o passado ficou para traz. O karate que mais cresce é o WKF e não é a toa que é mutio mais dinamico. Vajam os treinos intervalados, circuitados, variados, com novos acessorios que eles usam.

Não podemos continuar a ouvir disco na vitrola. Dirão alguns que o Vinil é muito melhor que o CD, mas convenhamos...............futuro zero.

Gosto do karate antigo, mas ninguem mais tem 10 anos para investir nisso, temos de nos modernizar pra atrair novos alunos.

É o fim do mundo!
Já comecei a me preocupar com as profecias de 2012.

"Aquele que está consciente de suas próprias fraquezas será senhor de si mesmo em qualquer situação." Funakoshi.

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.666
  • Votos: +1/-0
Re:Minha mulher que fazer Muai Thai, e agora?
« Resposta #44 Online: Outubro 30, 2012, 20:16:04 »
É o fim do mundo!
Já comecei a me preocupar com as profecias de 2012.

KKKKKKKKKKKKKKKKK ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D ;D

E aí Gustavo, já se matriculou no Muai Thai? ::) ;D
Karate Wado Ryu