Autor Tópico: É possível viver de Karate???  (Lida 9095 vezes)

Offline Bodhidarma

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 78
  • Votos: +0/-0
    • A Mente de Bodhidarma
É possível viver de Karate???
« Online: Abril 08, 2007, 21:09:01 »
Eu criei este tópico para satisfazer uma curiosidade pessoal que se resume no seguinte: Vocês acham possível viver exclusivamente como professor de Karate no Brasil?

Nós estamos eternamente em situação de crise, porém a meu ver esta crise é não apenas financeira e sim geral e insolúvel, estendendo-se até aos tão apregoados valores morais.

Eu particularmente acredito que seja muito difícil sobreviver de Karate atualmente (de que é fácil?!?) e tenho visto muitos praticantes dedicados e  professores competentes tornarem-se apenas praticantes solitários e ex-professores por falta de perspectivas. Outro aspecto é a procura pelo Karate que está muito pequena...

Seria interessante se alguns dos membros daqui pudessem falar sobre suas experiências. Se houver alguem ainda gabaritado para falar sobre as perspectivas para o professor de Karate na Europa, no Japão ou em outros locais fora do Brasil, seria também positivo. O profissional e o atleta dispensam qualquer comparação já que lá fora existe o profissionalismo enquanto aqui caminhamos sempre corruptamente no amadorismo e suas infinitas federações. Mas e quanto ao professor?

Offline katsumoto

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.936
  • Votos: +1/-19
É possível viver de Karate???
« Resposta #1 Online: Abril 08, 2007, 21:14:00 »
A maior crise é a moral.
 Acabei de ver uma materia no Programa de Domingo na Record, onde msotraram algumas artes marciais da moda hoje em dia.
Profissionais muito ruins, tem tido mais sucesso que alguns Professores de Karate com mais experiencia, por marcketing mentiroso, promesas de faixas rapidas etc...
O problema tambem ocorre no exterior,onde tudo é KARATE....
Apareceu uma menina fazendo kata artistico.....o que é isso??
Infelizmente acho que nao tem mais retorno, foi se o tempo em que ganhar a vida com o Karate era possivel.
KATSUMOTO-Prof. Roberto Sant Anna

Offline Fabiyo

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 124
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #2 Online: Abril 08, 2007, 21:24:48 »
"...estendendo-se até aos tão apregoados valores morais"

Olha, para nós que vivemos em cidades grandes, é tudo impessoal, blá blá blá, simplesmente não existem valores morais, ou honra ou qualquer coisa assim. Existe no máximo o medo da lei ou medo de tomar tiro. Além disso, as pessoas sempre criticam a decadência moral. No Japão feudal os velhos diziam: "Que tempos são esses, em que se ama o dinheiro e o guerreiro teme a morte." Em roma existem textos dizendo que os jovens não respeitavam os deuses. Hoje no Marrocos existem pais escadalizados porque a filha sai de casa sem véu. Existem hoje aqui jovens escandalizados porque outros jovens fazem sexo na praia. Enfim, acho que a questão nem vale a pena. Acho triste a impessoalidade da nossa sociedade (o indivíduo sumindo na massa, etc.), isso sim, mas a crítica à decadência moral, isso eu acho um problema meio imaginário.

Sobre viver de karate, gostaria de ouvir do Sensei Katsumoto pois ele o faz. Outro dia ouvi do meu sensei no kendo (que comédia, o cara é cabelereiro): "Aqui você é aluno, lá você é cliente." Eu sinceramente acho difícil conciliar. Não é como numa escola para crianças, onde se paga caro para ser judiado (o único objetivo da escola para crianças parece ser formar o gado da sociedade, mas isso é outra história).

Bem, profetizei muito e não disse $%&! nenhuma.

OSS.
初心忘るべからず – Shoshin wasuru bekarazu

Offline Fabiyo

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 124
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #3 Online: Abril 08, 2007, 21:29:12 »
Sinceramente, Katsumoto, acho que isso é temporário. Esse marketing falso vai mandar vários alunos para você, que logo se frustrarão com essas promessas vazias. Pode apostar, eu conheço vários casos, que não vou citar para não gerar desgosto.

Não posso dizer que marketing pelo marketing é uma coisa enganosa e corrompida. É algo que deve ser usado. Os samurais tinham o seu "marketing" também, mas atrás do marketing teriam que vir as atitudes, enfim, é outro papo.

Mas eu aposto que o karate falso é frustrante, e logo algumas dessas pessoas estarão procurando outra coisa. Outras desistirão.
初心忘るべからず – Shoshin wasuru bekarazu

Offline DanielFalcao

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 24
  • Votos: +0/-0
    • http://www.karaterj.cjb.net/
É possível viver de Karate???
« Resposta #4 Online: Abril 08, 2007, 22:52:51 »
"Boidedama" eu conheço. Maluquinho, ceguinho mas é gente fina. Sensei Roberto, tenho tido noticias suas pelo Sensei Getúlio.

Já pensei em escrever a mesma coisa no orkut, e começo com algumas considerações:

O que se considera "viver de karate"? viver de aluguel; sustentar família com ou sem filhos; manter carros e uma academia?

Já dei aulas para crianças. as vezes pagava pra dar aulas, mas não me interessava o dinheiro - me dava prazer e conhecimento. Já tentei dar aulas para adultos: faltou comprometimento dos alunos que pagavam e apareciam 2 ou 3 vezes por mês (isso foi antes do Caputo entrar na Moving). Primeiro quero me estabelecer profissionalmente na minha área (engenharia mecânica) e poder sustentar o atual status de minha família. Karate eu ensinaria até de graça, contanto que houvesse compromisso do doido, e não por dinheiro.

Mas isso cabe a cada um e quanto tem para investir. A academia ao lado da minha casa acabou de fechar (sábado passado). Passaram anos no vermelho no inverno e no azul no verão, mas chegou a um momento que ficou só no vermelho. Se uma academia não se aguenta, o que será de um Dojo de karate.

Os japas que dão aulas aqui vivem da carencia dos outros: São pagos para darem cursos em outros estados e outras coisas.

Finalizando, nos dias atuais não acho mais possível viver de karate profissionalmente e sustentar uma casa

abraços

Offline Avi

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.933
  • Votos: +2/-1
É possível viver de Karate???
« Resposta #5 Online: Abril 09, 2007, 02:44:08 »
Sensei katsumoto

No tópico sobre shotokai administrado pelo sempai teve o desenrolar de uma argumentação envolvendo voce e o sempai. Ambos entendem muito de karate e trocaram argumentos nos ultimos 6 ou 7 topicos nesse fim de semana.

Pra mim, o problema é que as pessoas não sabem que karate é aquilo, digo aquilo no sentido de uma pratica extremamente complexa e muito dificil de se aprimorar que demanda treino pra cacete e muito estudo fora do dojo.

Se as pessoas soubessem o karate poderia ser uma possibilidade de ganho maior pra pessoas que tem o seu conhecimento, ou como sensei carlos ou sensei enio e por ai afora pois pra ser professor de verdade de uma pratica tão complexa como karate tem que ter a formação que voces tem.

Fora tudo isso é preciso dizer que de fato viver num país como brasil é uma $%&!, só não entende isso quem é herdeiro, muito mal informado ou muito inocente.

Fabyo, discordo de voce, acha que existe sim uma crise moral generalizada, um mundo onde voce vale mais pelo que tem do que pelo que voce é e no caso especifico do brasil o caso é pior na nminha opinião pelo simples fato que o BRASIL É UM PAÍS IMORAL. Minha opinião.

oss
"Permanecer no Eucarístico, em silêncio, espera e adoração, lapidando almas para Ele."

Offline DoghQuch

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 318
  • Votos: +0/-7
É possível viver de Karate???
« Resposta #6 Online: Abril 09, 2007, 08:07:22 »
Oss!

Eu sou cético com relação a essa história toda de karate marketing, sério, as pessoas são burras e preguiçosas, especialmente os pais desses alunos!

As pessoas fazem aula com esses professores e nessas academias pq elas gostam! Já conversei com muita gente e eles não conseguem ver diferença entre o nosso Karate e esses por aí, então vc explica e mostra e eles fazem cara de $%&! e dizem que o nosso é muito violento, eles querem fazer exercício não apanhar.

Quanto a decadência moral, cara, isso sempre existiu, procure textos mais antigos, quanto mais antigo melhor e vc vai ver que a evolução da sociedade sempre gerou esse tipo de impressão. Existem altos e baixos, é claro, mas na média as coisas sempre tendem para algo melhor, a curva é lenta e nem sempre agradável, masssss, a tendência é melhorar.

A humanidade não mudou muitos....não mesmo....políticos sempre foram políticos, adolescentes sempre foram adolescentes, sábios sempre foram sábios, etc. Quem já ouviu "não há nada novo sob o sol"? É uma verdade estranha e inconveniente.
"E depois de tudo, céu e terra aí estão, como se nada tivesse acontecido.
  A essa altura, a vida e as ações de um homem têm o peso de uma folha
  seca no meio da ventania..."

Offline Gakusei

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 225
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #7 Online: Abril 09, 2007, 08:15:15 »
Para mim o karate sofre de quatro problemas insolúveis:

- crise de identidade: o que é o karate hoje? há dezenas de federações, estilos, etc. Para um leigo é difícil separar o joio do trigo e ai a picaretagem impera.

- dificuldade de mensuração do progresso: ao contrário de muitos esportes, é difícil medir objetivamente a evolução no karate por um critério universalmente aceito. As faixas são um reflexo disso, pois frequentemente são mais dependentes da política e interesse comercial que qualquer outra coisa.

- interesse decrescente pelo karate marcial, que visa o aprimoramento do espírito e disciplina: exige muito esforço e tempo de treino para se chegar a algum resultado palpável. Quem hoje se interessa por isso? Esse esforço, se dedicado a outro esporte/atividades, talvez leve a resultados mais gratificantes. Como forma de exercício, talvez outros esportes sejam mais efetivos também, especialmente no lado aeróbico.

- limitações como técnica de defesa pessoal: outras artes (ex. jiu-jitsu) já podem ser razoavelmente efetivas com pouco tempo de treino (isso para o garoto que não quer apanhar na escola). O desenvolvimento de uma boa capacidade no karate leva tempo.

O que levaria alguem a iniciar a prática do karate hoje? E os que sairam, porque sairam? Talvez devessemos conhecer melhor as respostas a essas perguntas. Se não há demanda, não há como sobreviver.

De qualquer forma, acho que as chances de uma sobrevivência digna somente como professor de karate sério são remotas. E isso não é de hoje.

Infelizmente.


Gakusei
Gakusei - A. Azevedo-Filho

Offline RENGO-KAI

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 387
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #8 Online: Abril 09, 2007, 10:08:53 »
Na verdade, são poucos aqueles que fazem do dojo um negócio de sucesso. A maioria dos donos de dojo de sucesso que eu conheci geralmente possuem outra fonte de renda principal. Isto lhes proporciona a flexibilidade para passar o seu tempo ensinando ao invés de se preocuparem com seus estudantes como um meio de vida. Em minha experiência esses são os instrutores que atraem os alunos e os mantêm. Alguns desses instrutores são independentes, e alguns fazem parte de grandes organizações. Eu tenho ouvido de muitos instrutores que lidar com a relação vertical e linear que está na base das grandes organizações de KARATEDO tem levado à conseqüências infelizes...

leiam esse texto:

O DOJO de sucesso

“A melhor maneira de controlar o futuro é construí-lo”. Druk.

Existem instituições que não querem saber o que vai acontecer, há as que assistem ao que acontece e há ainda as que fazem as coisas acontecer.
Em tudo, absolutamente tudo, é preciso sonhar e construir este sonho, as ferramentas de construção são:
1- O conhecimento (espírito criativo e pesquisador, planejamento, organização )
2- Aperfeiçoamento constante ( a busca da excelência ).
3- Perseverança e Otimismo

PLANEJAMENTO ESTRATEGICO

É o processo pelo qual uma instituição se mobiliza para construir e atingir o sucesso, por meio de um comportamento proativo, considerando seu ambiente atual e futuro.Propõe decisões que afetam a instituição na sua totalidade, definindo seu futuro e norteando as ações da Diretoria Executiva por longo prazo ( 5 a 10 anos ).
O planejamento estratégico propõe respostas as perguntas :
-Onde estamos?
-Onde queremos chegar e quem somos?
-O que queremos ser?

PLANEJAMENTO TÁTICO
São decisões de âmbito restrito e de médio prazo ( 2 a 4 anos ).

PLANEJAMENTO OPERACIONAL
São ações em áreas bem especificas e de curto prazo ( 1 ano ).

Se eu pudesse delinear uma “fórmula” esta poderia ser uma maneira de ajudar outros dojos, especialmente dojos independentes, a desenvolverem suas próprias operações. Em muitos casos, estudantes de KARATE que fizeram do KARATEDO um meio de vida, não tinham a menor idéia de que esse seria o seu futuro quando eles começaram. Primeiro um estudante e depois um instrutor, a progressão é natural. Quando se percebe já se tem um dojo. AGORA tem o aluguel, contas de luz, água e telefone, seguro e outras taxas que têm que ser pagas todos os meses! As coisas mudam muito rápido. Existe uma preocupação com quantos estudantes estão matriculados e de como apaziguar e cumprir com as pressões das organizações ao qual se está filiado. Existem normas a serem seguidas, papéis a serem preenchidos e contratos a serem assinados. De repente se está perdendo a maior parte do tempo em negócios e marketing ao invés de ensinar e praticar. Reuniões sem fim logo são mais prioritárias do que a realização de KATAS perfeitos. Apenas se concentrar na administração dos negócios também não faz um dojo progredir e, às vezes, é necessário um longo tempo para que se possa entender esse equilíbrio.

GRAÇAS A DEUS , eu

Offline RENGO-KAI

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 387
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #9 Online: Abril 09, 2007, 10:12:45 »
Eu sobrevivo com meu DOJO, há 10 anos hehehehe
Mas depois resolvi, colocar Taekwondo, Judo e Jiu Jitsu ...pra preencher todos os horarios, e foi a melhor coisa que fiz...
Só aconselho a colocar profissionais sérios e competentes, já com nome no mercado marcial.

Offline samurai

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.184
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #10 Online: Abril 09, 2007, 10:33:02 »
Me senti muito motivado a colocar em pratica o meu projeto mushin - Karate-do


OSS

Offline Molina

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 7
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #11 Online: Abril 09, 2007, 11:47:51 »
Bem pessoal, sou novo aqui e com a permissão dos senhores, posto minha opinião, espero poder contribuir nesta discussão:
Quanto a crise moral que vive o pais vejam esta citação:
"... De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto".
São palavras proferidas por Rui Barbosa em 1914... atual não é mesmo??? Picareta e desonestos sempre existiram e sempre vão existir, mas o que vale (pelo menos para mim) é o nome que herdei de meu pai e deixarei para meus filhos, que ninguém poderá atacar, eu faço minha parte (embora as vezes a gente pareça bobo).
outro problema que vejo é a cultura do fácil, do imediato, as pessoas não querem mais se dedicar, se esforçar, querem pacotes mágicos, se vc falar que para chegar a uma faixa preta ela vai levar 10 anos de treinos intensos, ela vai procurar outra academia que o "mestre" vai dar na metade do tempo e com menos esforço.
Agora para viver do Karatê (ou de qualquer outra arte marcial que não esteja na "moda") é coisa para abnegado, eu considero quase um sacerdócio... eu sei o quanto é dificil... e acredito que até seja possivel desde que em uma  cidade grande e o Mestre dê palestras e cursos fora de sua cidade, senão fica muito dificil...

Offline Mad_Dog

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 86
  • Votos: +0/-0
É possível viver de Karate???
« Resposta #12 Online: Abril 09, 2007, 18:04:41 »
Pessoal...

             Meu sensei vive de sua ACADEMIA. Ou seja... ele mescla varias artes e musculacao. Hj seria quase impossivel vc viver so de karate e vc tem de pensar é que vc nao consegue ser um lutador sem mesclar artes entao.

             Acho que tem de se criar um ambiente de treinamento marcial com maximo de artes possivel no teu ambiente.

            O lance de nao poder ir mais forte nos treinos eu aprendi a observar meus alunos. Tpo existe aquele aluno que pratica karate somente por esporte e tem aquele que quer realmente ser um karateca... é diferente! Aquele que quer lutar karate eu vou ensinar todos os detalhes e vai ser sofrido o negocio :) agora queles que querem a particar o sporte karate vao ter sua aula. Para isso vou desenvolvendo horarios especificos.

          É isso q pretendo fazer entenderam... entao terei aqueles comerciais e terei os karatecas reais :)


OSS sera q vai funcionar assim?
arate baseado na Humildade, Mentes Focadas na Paz, Defender-se com FORÇA, Impulsionados pela Perseverança! Tigres do Norte - OSS

Neto110

  • Visitante
É possível viver de Karate???
« Resposta #13 Online: Abril 09, 2007, 19:57:12 »
MInha academia só tinha karate.

Hà uns 3 anos coloquei musculação. Hà 2 anos, por força de uma especialização só dou supervisão e treino.

Eu naõ vejo muita gente interessada em treinar o karate que eu quero treinar mais não. Dou aulas num horário, ams estou seriamente pensando em repassar o horário e só dar supervisão e treinar.

Offline Gustavo-RJ

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.475
  • Votos: +5/-2
É possível viver de Karate???
« Resposta #14 Online: Abril 09, 2007, 20:37:52 »
Impossivel pois o karate não tem atrativo nenhum. Não existe uma academia com 100 alunos regulares pagantes.

Ninguem quer pagar 150,00/ mes numa academia. Gasta isso no fim de semana em cachaça ou mais ainda em droga, mas pro karate aonde tem um professor que demorou 20 anos pra se formar acha caro.


DESATRATIVOS

1- O desenvolvimento é lento e penoso.
2- Não te da uma medalha olimpica.
3- Não ganha de ninguem no vale tudo (e não me falem no Machida que é sozinho e não fez o nome ainda), não existem icones.
4- As diversas federações são uma bagunça.
5- Não esta na midia.

Eu se tivesse um filho mandava ele fazer Dança de Salão.
"Ai se eu te pego, ai, ai."
Gustavo-RJ