Páginas: [1] 2
  Imprimir  
Autor Tópico: Pontos Vitais  (Lida 51754 vezes)
MR_POWERS
Newbie
*
Offline Offline

Mensagens: 0



« : Março 11, 2005, 17:33:09 »

Oss.

O objetivo desse tópico é aprender...

Tenho procurado bastante e consegui algumas imagens dos pontos vitais...

Gostaria de saber se alguem já teve a oportunidade de testar realmente a sua eficácia. Tem pontos que matam... outros fazem desmaiar...

Pergundo isso pq em um determinado dia no treino me descuidei um pouco e fui acertado com um tsuki na parte externa do antebraço. Ficou uma dorzinha incômoda e já mais tarde quando estava chegando em casa quase desmaiei.

Procurei levantar se o quase desmaio não seria por alimentação... pressão e outra coisas mais e nada. Então me lembrei do soco e fui buscar saber se era um dos pontos vitais... Não era exatamente mas muito perto de um e o soco acabou sendo em um dos meridianos do corpo.

Gostaria de saber mais sobre pontos vitais e a sua real eficácia!

Oss.
Registrado
Neto110
Visitante
« Responder #1 : Março 11, 2005, 19:49:33 »

não podemos falar que não haja conhecimento associado a esta informação, mas naõ conheço nenhuma informação válida médica neste sentido.

se souber bater qualquer ponto é "vital". seu desmaio pode ter "n" causas e nada a ver com o tal ponto meridiano fatal.
Registrado
Shogun
Full Member
***
Offline Offline

Mensagens: 137



WWW
« Responder #2 : Março 11, 2005, 20:27:26 »

Oss!

Falar em pontos vitais ou pontos de pressão é sempre aliciante e misterioso, penso que todos vós já viram mapas com esquemas dos principais pontos vitais?

No corpo humano há diversas partes moles muito sensíveis que se forem atacados com potência e técnica podem causar muito dano ao oponente, sensações de desmaio, desmaio, suores frios, perda dos sentidos e até a morte.

Não vou especificar todos os pontos mortais mas quero partilhar convosco o meu método para situações de crise.

Faço um treino todo ele pessoal e clandestino procuro bater no saco e na almofada em Ushiro-Geri-Chudan com a máxima potência á velocidade máxima, tendo como objectivo acertar no pelexo solar ou esterno tentanto causar o máximo dano ao inimigo, com a consciência que lhe vou partir o pelexo ou esterno, como sabem se porventura isso acontecer a pessoa sofre uma hemorragia interna que lhe causa a morte.

Essa é uma das minhas principais técnicas para o perigo.

É claro que é preciso muita dedicação e persistência para que a técnica tenha objectividade.

Compartinho convosco esta técnica e sugiro-lhes muito treino no Ushiro-Geri para poderem ter êxito na luta real.

Um abraço

Oss!
Registrado

Aquele que não perde as suas faculdades vive até velho”

Karate Clube de Portugal
Centro de Artes Orientais
MR_POWERS
Newbie
*
Offline Offline

Mensagens: 0



« Responder #3 : Março 18, 2005, 14:56:19 »

Oss.

Então em estágios mais avançados no Karatê não teremos informações sobre esse assunto?

Não quero dizer que os pontos vitais são folclore... Pois o shiatsu, do-in, acumpultura dentre outras técnicas de busca da saude utilizam os meridianos e os pontos... Lembro-me que em um outro post a tempos atrás alguem ter dito que sermpre busca esses pontos em livros de acumpultura, mas então isso tudo é só mito?

Karatecas mais adiantados não adentram nesse mérito?

Para a apreciação de vcs.

Oss.
Registrado
Shogun
Full Member
***
Offline Offline

Mensagens: 137



WWW
« Responder #4 : Março 18, 2005, 19:58:13 »

Oss!

Deixo-vos algumas consideraões sobe o Dim Mak (toque da morte) estudado no Ninjutsu de Dr. Masaaki Hatsumi 34º Soke. Quem se interessa e estuda pontos vitais terá interesse em saber.

Um dos pontos de maior interesse no ninjutsu, o toque da morte - também conhecido como Dim Mak. Consiste de golpes desferidos em determinados pontos no corpo do adversário. Provocam paralisia, destruição de órgãos internos, desfalecimento com efeito retardado e morte.

Trata-se de golpes que atingem basicamente os chacras e pontos energéticos do corpo e usam a energia canalizada e o controle respiratório de quem os desfere. Não são necessariamente golpes fortes e não devem deixar marcas externas.

A técnica do toque da morte é trabalhosa e requer anos de prática. Alguns herméticos de lutas marciais chinesas como a "palma de ferro" têm conhecimento desses golpes.

Antigos mestres de Tai Chi Chuan, Kung Fu e Pa Kua Tao Chuan também têm esse conhecimento, pois são familiarizados com o controle respiratório e o fluxo energético (Ki).

O toque da morte foi retratado no filme O Grande Dragão Branco, estrelado pelo ator Jean Claude van Damme e baseado na vida do ninja americano Frank W. Dux.

Os Cinco elementos

Go Kyo
Em estreito contato com a natureza protetora o ninja elaborou todo um sistema de símbolos para realizar uma simbiose entre seus diversos poderes e sua relação com os elementos maiores dessa natureza: a terra, a água, o fogo, o vento e o ar.

As características desses cinco elementos formam o essencial das técnicas de dissimulação do ninja no exterior. Essas técnicas eram chamadas de Go Tonpo (a arte de se confundir com o ambiente).

Chi: a terra
A terra simboliza a estabilidade de tudo. É o elemento sobre o qual se caminha descalço para absorver novas forças. Essas forças telúricas concentram a sua energia que pode dessa forma ser empregada para um novo ataque. É o potencial regenerador da energia interna.

Tsui: a água
Da água aprendemos a não-resistir, a contornar o obstáculo. Entretanto sabemos que com a obstinação a água se insinua através de tudo e consegue desgastar o adversário. Sejam inagarráveis como a água, mas fortes como ela.

Ka: o fogo
Nesse elemento vital para o homem e cuja fascinação persiste na nossa memória ancestral, aprendemos a intensidade das coisas. O ataque surge como uma labareda para consumir o adversário, se extingue para desaparecer e renasce mais longe com a mesma violência.

Fu: o vento
O vento acaba de nos empurrar pelas costas. Não resistamos. Utilizemos sua força para que ela nos seja benéfica. Desviemo-la a nosso proveito, assim como nos utilizaremos da força do adversário para derruba-lo.

Ku: o ar
Esse elemento que nos envolve é igualmente vital para nossa existência. Ele não se encontra em lugar algum e em toda a parte ao mesmo tempo. Que a sua energia seja como a do ar, indispensável, porém invisível. As forças do ninja devem se dissolver para tudo poderem envolver.

Um abraço

Oss!
Registrado

Aquele que não perde as suas faculdades vive até velho”

Karate Clube de Portugal
Centro de Artes Orientais
Sawamur
Jr. Member
**
Offline Offline

Mensagens: 59



WWW
« Responder #5 : Março 31, 2005, 11:21:13 »

Ué....

 O Shogun não havia morrido???

 Estavamos tão felizes!!!!!
 Ressuscitou na Pascoa!!!!!

 Sawamur
Registrado


 K A T S U M O T O
Yano
Sr. Member
****
Offline Offline

Mensagens: 320



WWW
« Responder #6 : Março 31, 2005, 20:12:07 »

Ai meu Deus... coisa ruim não morre mesmo !

Mr Kenji Yano - The Last Samurai
Registrado

lt;div>Yano - Olhos de Tigre</div>
Neto110
Visitante
« Responder #7 : Abril 01, 2005, 12:06:14 »

A acupuntura é a única técnica oriental homologada pela medicina oficial do Brasil, mas memso assim as explicações dadas pelso teóricos da arte ainda naõ foram digeridas pela ciência ortodoxa, o que equivale dizer: que funciona funciona, mas não podemos epxlicar ocmo funciona e por isto não se pode garantir que tudo que é dito funciona como é dito.

Mesmo sendo aceita é aceita como método de analgesia. POnto, os outros efeitos ainda devem ser confirmados.

Para mais informações sobre o assunto CLIQUE AQUI

As outras técnicas tem seus méritos e defensores mas não foram homologados ainda.

POntos de pressão, toque da morte e equivalentes para o cientista ocidental típico é lenda e para nós depende de nossa formação, como karateka acredito que qualquer pancada dada com a força certa pode causar um bom estrago.
Registrado
marascas
Visitante
« Responder #8 : Abril 01, 2005, 14:40:46 »

Quando eu comecei a pratica de Artes Marciais ainda acreditava em assombrações, lobisomem, vampiro... Meu primeiro professor era meio doido e contava umas "estórias" que treinava uns Katas secretos e conhecia um tal "samurai" que sabia técnicas mortais e coisa e tal...
Pura besteira! A pesquisa científica acaba com as besteiras que os desocupados inventam. E você começa a ler os livros verdadeiros dos mestres antigos e tuais e descobre que muita coisa que se fala por aí não passa de conto de fadas! Dai começaram os eventos de MMA nos anos 90 e acabou os Kung Fu's que paravam bala com os dentes! Luta melhor quem treina mais e com qualidade. Apenas isso.
Não estou negando que não existam pontos vitais, sim eles existem no corpo humano. Mas devemos nos preocupar com técnicas possíveis de executar em combate real. Essas coisas mirabolantes só funcionam contra leigos!!! Pontos vitais para defesa pessoal: O SACO, A GARGANTA E OS OLHOS. Já o meu maior ponto vital ultimamente tem sido meu bolso...
Registrado
Neto110
Visitante
« Responder #9 : Abril 01, 2005, 16:27:37 »

o bolso é a fonte de poder de muita gente marascas e estas pessoas usam os poderes da língua apra fazer as pessoas aumetnarem o poder delas...
Registrado
samurai
Global Moderator
Hero Member
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.180



« Responder #10 : Maio 16, 2005, 11:31:53 »

hoje estou postando um mapa de pontos vitais que tirei de alguns livros de karate .
Registrado
alexandre
Newbie
*
Offline Offline

Mensagens: 19



« Responder #11 : Maio 16, 2005, 16:33:59 »

Onde estão as imagens?

Oss.
Registrado

lexandre Lacerda
2º Kyu Shotokan
samurai
Global Moderator
Hero Member
*****
Offline Offline

Mensagens: 2.180



« Responder #12 : Maio 16, 2005, 16:44:59 »

O texto tem varias imagens e não consegui posta-lo

então passei para o marascas e para o rene pra ver se ele conseguem
Registrado
alexandre
Newbie
*
Offline Offline

Mensagens: 19



« Responder #13 : Maio 16, 2005, 16:53:26 »

Valeu!
Registrado

lexandre Lacerda
2º Kyu Shotokan
marascas
Visitante
« Responder #14 : Maio 17, 2005, 02:33:35 »

Samurai,
Obrigado pelos textos e imagens, mas realmente eu ainda não sei como adicionar no site...
Vou aprender um dia, mas veja se o Renê pode fazê-lo no momento.
Registrado
Páginas: [1] 2
  Imprimir  
 
Ir para: