Autor Tópico: Golpes de Karatê matam!  (Lida 42768 vezes)

rapha.m.g

  • Visitante
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #15 Online: Fevereiro 23, 2010, 14:41:08 »
ótimo tópico...


ataque de um karateca que consegue quebrar diversos materiais como telhas, tijolos, barras de gelo, etc em regiões como têmpora, garganta, nuca e afins devem causar um estrago muito grande...

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #16 Online: Fevereiro 23, 2010, 17:43:33 »
Muitos por aí, as vezes criticam a filosofia de "matar com um golpe" do karate. Mas estes se esquecem que o karate também tem como objetivo originalmente acertar onde se sabe que, ali acertando, causa dano pra $%&!, não importando o tamanho do adversário.

Pode não ser assim no MMA, ter pouca gente por aí capaz de fazer, etc. Mas vou morrer acreditando que um soco de um bom karateka no pescoço põe no caixão qualquer um...
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

A. HIGINO

  • Visitante
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #17 Online: Fevereiro 23, 2010, 19:57:51 »
OSS, GUICOMES...

Concordo plenamente com você camarada.
Infelizmente muita gente por não buscar ou nunca ter visto tal golpe poderoso julga ser impossível outros realizarem.
Ora...
Exija-se mais...Não esmoreça...Quando achar que tem um golpe forte, acredite que pode melhorá-lo ainda 100%. Pra mim esse é o caminho!

OSS...

Offline St0n3h0us3

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 174
  • Votos: +0/-0
  • Respeito Acima de Tudo.
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #18 Online: Fevereiro 23, 2010, 22:04:06 »
Osss,
Sem dúvida um golpe de karate pode levar a morte, como vem se falando ai, não só do karate, mas até mesmo de um lutador de rua. Existem os pontos vitais do corpo humano, chamados de atemi, me corrijam se estiver errado, esses pontos se espalham por todo o corpo, existe até um livro sobre isso, "Luta por Pontos de Pressão", acho que esse é o nome. Vi uns vídeos interessante sobre este assunto, vou deixar o link de um desses vídeos que vi no Youtube, vou deixa-lo aqui pra quem quiser dar uma olhada, tem vários outros ligados a esse.
"Não se compare a ninguém."
#############################
Igor Pedreira

Offline DElia

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 535
  • Votos: +0/-0
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #19 Online: Fevereiro 24, 2010, 14:56:02 »
Algum de nós, sem entrar no mérito da circunstância, já golpeou alguém e foi olhar se tinha notícia no jornal do dia seguinte?
Oss
Ricardo

Offline sergiotucano

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 118
  • Votos: +0/-0
    • Livre Pensamento
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #20 Online: Fevereiro 24, 2010, 19:27:34 »
Bom, acho que quando nossos colegas desenvolveram as tecnicas de jujutsu não pensavem em outra coisa além de golpear para matar um adversário, dada as circustancias nas quais essas artes se desenvolveram....

Conto um episódio que aconteceu comigo em um treino, acho que já cheguei a falar isso em outro tópico, pois bem...

Levei um mawashi geri no maxilar, perdi metade de 1 dente e fiquei quase 24h meio que fora do ar, e não foi um mawashi assim tão forte, na ocasião eu defendi um Guiaku Zuki thudan e cometi o erro de baixar a guarda quando o colega de treino mandou um mawashi jodan no meu rosto com a perna da frente.

Depois disso não me lembro de mais nada, e para falar a verdade só lembro disso porque me contaram oque aconteceu :D


Se um mawashi pode fazer esse estrago, imagine quando bem aplicado e com força?!

Offline CamelRider

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 14
  • Votos: +0/-0
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #21 Online: Fevereiro 24, 2010, 20:36:46 »
       Pessoal, realmente matam ,mas para isso o alvo tem que estar totalmente parado e inativo, o que nao acontece numa situação real. Eu acho q é quase impossível matar alguém q esta em movimento dando um golpe perfeito, isso pra mim é raríssimo, quase lenda...
       Eu acho q devemos sim treinar com essa mentalidade, para que acabemos com o embate o mais rápido possível, visando dar um golpe com grandes danos. Mas acho muito difícil de alguem morrer.
       

Offline DElia

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 535
  • Votos: +0/-0
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #22 Online: Fevereiro 24, 2010, 21:05:37 »
Há algum tempo, li sobre um estudo à respeito de danos provocados por golpes no pugilismo e me chamou atenção o seguinte comentário:
"Os lutadores tem mais, e mais graves, sequelas adquiridas durante o treinamento (protegidos por capacetes e com luvas maiores) quando recebem centenas de golpes de menor intensidade que provocam micro traumatismos e que não os levam ao chão, do que durante as lutas (sem capacetes e com luvas menores) quando os golpes produzem maior impacto, mas são em quantidade muito menor, mesmo provocando queda ou nocaute."
Podemos quem sabe até dizer que, o boxeador quando morre no ringue já veio pronto para isso, ou seja, tinha sérios problemas por lesões anteriores provocadas pelo treinamento.
Oss
« Última modificação: Fevereiro 24, 2010, 21:16:44 por DElia »
Ricardo

Offline yama

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 4.615
  • Votos: +11/-0
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #23 Online: Fevereiro 24, 2010, 21:13:48 »
Oss D'Elia Sensei

partindo deste principio,é lógico mesmo dizer que o lutador já vinha azeitado para a morte.

bastava apenas entrar mais um certo e o estrago estar feito.

Oss
alberto
yama-Alberto S. Almeida

A. HIGINO

  • Visitante
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #24 Online: Fevereiro 24, 2010, 22:30:51 »
OSS, DEliaSensei...

Comentarei sobre essa sua postagem:
"Algum de nós, sem entrar no mérito da circunstância, já golpeou alguém e foi olhar se tinha notícia no jornal do dia seguinte?"
........
Vou repetir o que já postei nesse tópico:
"Conheço um Karatê-Dôka forte e de qualidade técnica muito boa, que estava fazendo Jyiu-Kumitê quando recebeu um Gyaku-Zuki no meio do plexo, causando-lhe uma parada cardíaca. Graças a um pronto atendimente nosso que sabiamos fazer o ressuscitamente e a massagem cardíaca, tudo ficou bem".
Gostaria de enfatizar que o coléga não morreu de parada Cardio-Respiratória porque fomos eficazes no seu socorro. Isso foi uma lamentável fatalidade.
.........
Conhecí um karatê-Dôka (que já não treina mais) que levou um Jodan Mawashi-Geri, que causou-lhe traumatismo craniano. Ele ficou 11 dias com amnésia. De acordo com o médico ele não morreu devido o pronto atendimente que nós o demos.

OSS...

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #25 Online: Fevereiro 25, 2010, 02:05:30 »
O cara pode não matar com qualquer golpe, mas boxe não é karate (não estou confrontando o sr. Delia). Hoje (quarta) tive a nítida oportunidade de pisar na cabeça de um colega depois de derrubar com um gedan mawashi geri.

Quem acha que um golpe de karate não pode matar, apenas imagine a possibilidade desses karateka oldschool aí, dos bons, segurar o adversário por um braço e meter um kumade uchi no queixo com a outra mão valendo. Alguém arriscaria levar por 100 mil reais?

Pra mim estes testes em máquinas não são tanta coisa. Sei de um karateka que arregaçou porrando num saco cheio de medidores de potência num projeto de universidade mas em luta real não acertou nem de raspão um cara mané, assim como vi um garoto de 15 anos nocautear com um pé na orelha outro um pouco mais velho.

E esse lance de luta profissional tem um pequeno detalhe: sempre que acontece um KO (e olha que não estou falando de golpes malucos e lugares frágeis, mas de um simples "socão" na cara) uma enchurrada de médicos corre pra socorrer o coitado. Porque? porque alguns certamente morreriam sem ser reanimados. Um pancadão na na telha pode te deixar sem respirar, retardado, com hemorragias, sei lá.
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline DElia

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 535
  • Votos: +0/-0
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #26 Online: Fevereiro 25, 2010, 08:32:27 »
Em 1973, durante o treinamento profissional com o Okuda Sensei, comentávamos sobre impacto de golpe e suas consequencias, quando o Sensei falou em japonês (assuntos mais extensos eram traduzidos pelo Sasaki) e somente deu para entender socos e mortes, mas mediante nossa insistência ele contou rapidamente que durante a Segunda Guerra, karatecas integrantes do Serviço de Inteligência do Exército faziam experiências com cadáveres, golpeando-os e depois realizando autópsias para ver os danos causados.
Lembro, que o Okuda Sensei, ao fim da conversa,  disse o nome do karateca e, sorrindo, falou: "Que não só os mortos apanhavam, alguns vivos também (presos de guerra)".   Esta última frase o Sasaki quis "censurar", mas não deu, já havia falado!
Oss 
Ricardo

Offline akev

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 111
  • Votos: +0/-0
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #27 Online: Fevereiro 25, 2010, 10:35:42 »
 Caro Sensei D'lia! de acidentes fatais em treinamentos eu realmente não tenho conhecimento, mas de combate mortal  conheço uma história que acho q o senhor tb a conhece!

No Japão no século XIX chegaram com os marinheiros russos uma equipe de lutadores de SAMBO.

Entre os lutadores, existia um de extrema força física e com aproximadamente 2 metros de altura, e seu nome era JON KIRTER. Eles chegaram no Japão para difundir sua arte de luta, dando demonstrações em publico, de sua agilidade e força, pregava prego na madeira com uma das mãos, enrolava barra de ferro (de meia polegada) no braço e demonstrava golpes que treinava no Sambo.

Com isso desafiou qualquer lutador do Japão, de qualquer modalidade de combate que não utilizasse armas. Naquele tempo o Karatê ainda não era treinado no Japão, pois somente na Ilha de Okinawa era praticado.

Os japoneses começaram a procurar entre seus lutadores o melhor que pudesse lutar com o Russo. E o boato se espalhou chegando aos ouvidos dos lutadores de Karatê.

Haviam os irmãos Tinks, o pai transmitia os conhecimentos para os filhos, e entre eles o mais novo de nome Motobu Tink. Ele era rebelde desobediente, constantemente era castigado pelo pai e pelos irmãos mais velhos. Como castigo o pai não quis lhe ensinar o Karatê, mas ele espionava em casa escondido, aprendeu a treinar as mãos e fazer exercícios de combate real o Kata de nome Naifantin.

A família de Motobu Tink partiu para o Japão, com três lutadores de idade média para enfrentar Jon Kirter. O mais novo era Motobu, de 43 anos, e era considerado o menos experiente no combate de "Mãos Limpas" Karatê.

Eles o levaram para que servisse de cobaia na primeira luta e pudesse ver qual golpe o Russo usaria para eliminar Motobu e com isso pudessem usar um golpe para vencê-lo na segunda luta.

No dia do combate, Motobu-Saru (Saru - Macaco Japonês e o apelido que ele recebeu ainda pequeno, pela facilidade com que conseguia subir em árvores muito altas quando fugia dos mais velhos) vestiu o kimono e entrou no ringue, quando foi dado o sinal, seu irmão disse alto quando ele se dirigia ao centro do tablado: Ya Gawakira Wane Susa.

O grande lutador foi agarrar Motobu que estava em posição KAMAE com as mãos abertas. Nisso desferiu um murro no plexo do adversário que tossiu e afastou-se um pouco. Avançou novamente e levou outro murro no plexo, nisso caiu de bruço devido a pancada que levou, expelindo sangue pela boca.

Motobu estava em KAMAE com as mãos abertas e o povo que assistia a luta, pensou que ele havia batido com as mãos abertas devido a agilidade que foi desferido o golpe.

A equipe estrangeira e o juiz revistaram o Kimono de Motobu para ver se existia alguma arma em sua posse. Nada foi encontrado, apenas suas mãos.

Quando foram entrevistá-lo disse que em dentro de 3 dias o seu adversário morreria e seria melhor ele voltar a sua terra antes disso. Mas não deu tempo de voltar, Jon Kirter morreu no navio.

Após esse combate em 1902, o mestre Ginshin Funakoshi e alguns alunos deram a primeira exibição pública e formal para o Comissário das escolas de Prefecture Kagoshima do Japão. E também nesse ano o mestre ITOSHU adotou treinamentos de Karatê em suas aulas de educação física, mais tarde mestres e professores foram para o Japão junto com várias filosofias Samurais criaram o Karatê moderno.
 Oss...

Offline rapidshot

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 38
  • Votos: +0/-0
  • "Viva cada dia como se fosse o ultimo"
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #28 Online: Fevereiro 25, 2010, 11:48:52 »
eu acredito que pode matar sim fato ou não mas oyama matou um oponente com as mãos vazias

oss...
« Última modificação: Fevereiro 25, 2010, 11:50:31 por rapidshot »
“Você tem que pensar que se você retroceder, você evita a morte dos inimigos”

Chosin Chibana – Shorin-ryu Karate-Do

Offline Vinteedois

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.425
  • Votos: +0/-0
  • I don't see dead people!
    • Música e Arte - Blog
Re: Golpes de Karatê matam!
« Resposta #29 Online: Fevereiro 25, 2010, 11:57:33 »
Caro Sensei D'lia! de acidentes fatais em treinamentos eu realmente não tenho conhecimento, mas de combate mortal  conheço uma história que acho q o senhor tb a conhece!

No Japão no século XIX chegaram com os marinheiros russos uma equipe de lutadores de SAMBO.

Entre os lutadores, existia um de extrema força física e com aproximadamente 2 metros de altura, e seu nome era JON KIRTER. Eles chegaram no Japão para difundir sua arte de luta, dando demonstrações em publico, de sua agilidade e força, pregava prego na madeira com uma das mãos, enrolava barra de ferro (de meia polegada) no braço e demonstrava golpes que treinava no Sambo.
(...)O grande lutador foi agarrar Motobu que estava em posição KAMAE com as mãos abertas. Nisso desferiu um murro no plexo do adversário que tossiu e afastou-se um pouco. Avançou novamente e levou outro murro no plexo, nisso caiu de bruço devido a pancada que levou, expelindo sangue pela boca.
(...)Quando foram entrevistá-lo disse que em dentro de 3 dias o seu adversário morreria e seria melhor ele voltar a sua terra antes disso. Mas não deu tempo de voltar, Jon Kirter morreu no navio.

 :o
Bom.. se é verdade ou não, isso agente nunca vai saber...
Mas que essa história dava um belo roteiro de um filme, ah dava!

E Akaev, é no mínimo uma história interessante e muito bem narrada! (parabéns cara! narrativa impecável!)
Oss!
DENUNCIE A PEDOFILIA! (disque "100")
www.musicaart.wordpress.com

("às vezes é melhor ficar calado e deixar que pensem que você é um idiota, que abrir a boca e não deixar nenhuma dúvida" - autor desconhecido)