Autor Tópico: Exame p/ shodan - Federação  (Lida 4347 vezes)

Offline phtrento

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 2
  • Votos: +0/-0
Exame p/ shodan - Federação
« Online: Maio 23, 2011, 20:47:08 »
Boa noite a todos,

Meu nome é Pedro e acompanho o forum de tempo em tempo, geralmente para tentar tirar alguma dúvida, entretanto só agora me cadastrei.

Primeiramente, sei que a pergunta que tenho aborda um assunto polêmico, o de associações, e por esse motivo já esclareço que não tenho nenhum objetivo de criar confusão, mas apenas de sanar uma dúvida.

Minha graduação é 1o kyu (shotokan) e tenho começado a pensar no exame para shodan. Os exames de faixa a que fui submetido ao longo dos anos foram, todos, dentro do meu próprio Dojo, que é afiliado à CBK.
Por esse motivo não tenho nenhum "diplominha" da JKA de nenhuma faixa.
Voltando agora à questão da faixa preta.. estive pensando na possibilidade de, por alguns motivos (como por exemplo a filosofia e o reconhecimento), prestar o tal exame na JKA.
Aí que tá: eu posso fazer isso? Sou bem leigo nessas questões "políticas", se é que posso chamar assim, do Karatê, e não sei se posso chegar com minha faixa marrom na mão e tentar o exame para shodan na JKA, sem nunca ter tido nada a ver com ela.
Em caso positivo, o que eu teria que fazer? Me afiliar e passar a pagar anuidade? Apresentar o "diplominha" de faixa marrom, mesmo que de outra federação?

Acho que a maior dúvida era essa.
Obrigado desde já aos colegas,

OSS!

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #1 Online: Maio 23, 2011, 21:25:14 »
O caminho mais fácil é treinar uns meses num dojo da jka e fazer exame de reconhecimento da sua faixa, depois pra shodan.
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline Gustavo-RJ

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.468
  • Votos: +4/-2
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #2 Online: Maio 23, 2011, 21:55:12 »
Em que cidade vc está?
"Ai se eu te pego, ai, ai."
Gustavo-RJ

Offline phtrento

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 2
  • Votos: +0/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #3 Online: Maio 23, 2011, 22:28:33 »
Obrigado pela ajuda.

Mas, mais detalhadamente, quer dizer então que preciso de ter meu kyu reconhecido? Isso pode ser feito dentro do próprio Dojo afiliado à JKA, ou há algo de mais solene ou burocrático envolvido?

Estou perguntando, agora, mais pra ter conhecimento do procedimento mesmo.. já que pra mim fica complicado fazer isso, posto que moro em Belo Horizonte (respondendo ao outro colega) e que, até onde eu sei, o único Dojo em MG afiliado à JKA fica em Juiz de Fora =| que não é perto da capital..

É uma pena.
Obrigado mais uma vez!
OSS!

Offline Miazuki

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 2
  • Votos: +0/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #4 Online: Janeiro 20, 2012, 15:18:28 »
Pra não abrir um novo tópico vou pegar carona nesse aqui mesmo.

Vasculhando na internet sobre exames de DAN achei essa perola onde um deficiente mental faz exame pra 2º DAN.

Rapaz deu vontade de rasgar o meu diploma de faixa preta.
E depois tem um sadio da cabeça que faz exame pra 3ºDAN...parece piada.

[/b][/i][/size]

« Última modificação: Janeiro 20, 2012, 15:28:15 por Miazuki »

Offline Taveiros

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 66
  • Votos: +0/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #5 Online: Janeiro 20, 2012, 15:33:31 »
Opa

É como eu já falei aqui varias vezes, o karatê virou uma $%&!. Até débil-mental pode dizer que é faixa preta e dar aulas.

Como diz o Roberto "Isso só acontece no país privada"

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #6 Online: Janeiro 20, 2012, 16:10:00 »
Acredito que o karatê tem que ser inclusivo, porém existem limites. Este é meu único comentário em relação ao rapaz com necessidades especiais.
Já em relação ao grandão, era exame para 3o. dan?! :o
Aí realmente parei.  >:( Embora conheça alguns pretas bem graduados que não têm a menor condição.
$%&! $%&!, eu tive que suar para para conseguir ser Shodan. Meu exame foi difícil prá cacete. Tanto que acho que nem conseguirei passar algum dia para Nidan. E vejo este tipo de vídeo. Realmente desanima. É este tipo de coisa que desmoraliza cada vez mais o karatê :-[
Karate Wado Ryu

Offline katsumoto

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.935
  • Votos: +1/-19
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #7 Online: Janeiro 20, 2012, 16:25:01 »
Pessoas desabilitadas mentalmente devem ser incluidas sim, no Karate.
O que me diriam entao do karate em cadeiras de rodas, desenvolvido por ASAI SEnsei?
Porem, o cara fazendo pra terceiro Dan estava muito bom..pra ser faixa laranja no maximo. Fora o Mestre dele, que nao tem nenhum respeito com os alunos, chutou a bunda do cara antes do exame. Viram a quantidade de DIPLOMAS na parede? Ele quer aparecer??? Conseguiu.
Dentro em breve deve virar Celebridade, ja que neste PAIS PRIVADA, $%&! VIRA CHOCOLATE!!
KATSUMOTO-Prof. Roberto Sant Anna

Offline julianoferreira

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 532
  • Votos: +0/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #8 Online: Janeiro 20, 2012, 16:37:17 »
GEM,

concordo sim com o limite, até pq depois de um tempo envolve mais o que simplesmente saber karate.
O que discordo é da falta de respeito e escárnio que alguns colegas do fórum usam para se referir ao caso. Sem querer desvirtuar o tópico, mas já desvirtuando. Soa mais como invejinha pelo cara ter feito exame para terceiro dan do que qualquer outra coisa, acho complicado formarmos opinião de uma maneira tão superficial assim.

Mesmo com relação ao limite, eu acho que abre margem para discussão.
Tomo como exemplo uma palestra que fui em SP no ano passado, onde um empresário do ramo de TI falou sobre programadores cegos. Ele trouxe como caso, um programador que tem, decorado na sua cabeça, algo em torno de cinquenta mil linhas de código. Gente... CINQUENTA MIL.

A palestra dele terminava com a seguinte frase, e ele foi aplaudido de pé por isso:
"Ele decorou cinquenta mil linhas, e vocês, decoraram quantas? Então dentro desse contexto, quem é o deficiente?"

Pera lá, quais os aspectos que iremos usar para avaliar se uma pessoa merece ou não o segundo, terceiro, quarto dan? Apenas aspectos físicos? Na concepção de vocês um paraplégico não poderia ser detentor de, sei la, quinto dan de uma faixa preta? Ele pode não mover as pernas, mas será que, por observação ele não é capaz de compreender como se chuta, não é capaz de ensinar?

Chamo a atenção disso pq acho que é algo bem mais amplo e delicado do que simplesmente dizer que "até retardado vira faixa preta".

Se formos parar pra pensar, uma pessoa com mais idade não tem o mesmo vigor físico de um garotão. Essa pessoa também estaria descredenciada a tal exame? Quero ver neguinho dizer isso para muito "dinossauro" aqui do fórum, que aliás temos o maior respeito.

OSS!

PS: Não estou levando em consideração ESSE vídeo nem ESSE deficiente em específico. Estou trazendo a discussão para algo mais amplo, ok?

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #9 Online: Janeiro 20, 2012, 17:23:12 »
   Eu não sei se nas demais academias filiadas à CBK é do jeito que irei narrar.

   Exames para shodan recente foram autorizados a serem feitos nos próprios dojos, porém voltou-se atrás e tais exames, a partir deste nível são mediante banca.

   Em tais eventos, há como se inserir observações na súmula consideradas pertinentes ao postulante: perna mecânica, Dawn, cego, surdo, operado do coração e, como no caso do vídeo, uma deficiência mental, entre diversas outras considerações.

   Treina comigo um rapazinho com Dawn. Quando ele chegou, não conseguia nem andar direito por dificuldade psicomotora. Hoje é 1o kyu, faz kihon e kata que dá gosto de ver.

   De posse de tais dados, o exame é realizado e tais fatos são postos em questão para a obtenção da aprovação ao grau, permitindo a promoção de moços, velhos, deficientes, enfim, de todo o conjunto de seres humanos interessados em progredirem em seu karatê.

   Ainda, do que conversei com meu sensei, candidatos a professor são mais exigidos do que outros candidatos, tenham eles quais forem as suas dificuldades mentais ou físicas.

   Fico feliz em treinar nesta academia por trabalhar desta forma. Levei minha esposa, pois meu sensei abriu uma turma para mulheres e muitas mães, que levavam seus filhos para a aula infantil, agora continuam na academia para elas fazerem as aulas.

[]´s
BigBoy

Offline Andrews Moura

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 175
  • Votos: +0/-0
  • Nunca, nunca desistas...
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #10 Online: Janeiro 20, 2012, 20:12:06 »
Em 2 minutos e 16 segundo o examinador falar que  não pode chutar naquela região porque é contato??? PQP fala serio no meu exame valia, mais isso é outra historia.
Com relação aos deficientes, ou melhor, pessoas especiais, a minha opinião é que o caminho é para todos, se bem que o deficiente no vídeo não era o que tinha problemas mentais.

Oss.

"Tenha coragem de seguir o que seu coração e sua intuição dizem. Eles já sabem o que você realmente deseja. Todo resto é secundário" (Steve Jobs)

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #11 Online: Janeiro 20, 2012, 20:17:37 »
Só para deixar claro, meus comentários foram a respeito do "rapaz" grandão que supus, pelo texto de quem postou, estar prestando exame para terceiro dan.

O que me referi com relação a limites para "deficientes", e notem que usei o termo com necessidades especiais no meu post, foi de que eles também devem ser exigidos, até mesmo por respeito. Desta forma sim se serão incluídos. No dojô onde treino temos uma pessoa com deficiências e acho sensacional que ela treine, mas é tratada como outra pessoa qualquer.

Juliano, esta questão de limitações fisicas por causa da idade eu conheço bem, pois parei de treinar por 15 anos, "as vésperas" de fazer meu exame para shodan. Voltei a praticar, comecei tudo de novo na faixa branca, mas graças ao bom senso de meu sensei e ao meu esforço, logo retornei à marrom, mesmo mudando de Shotokan para Wado. Fiz meu exame com 43 anos e posso te garantir que não foi fácil. Meu maior estímulo era um outro faixa marrom de 58 anos (na época) que também fez exame comigo. Portanto, tenho a mesma opinião que você de que todos tem direito à evolução em graduação.
Onde treino todos são bem vindos (crianças, mulheres, idosos, portadores de necessidades especiais) e muito me orgulho por isto.

Já com relação à ensinar karatê, já acho mais complicado, pois muitas técnicas tem que ser demonstradas e não somente explicadas.

OSS
« Última modificação: Janeiro 20, 2012, 20:43:31 por GEM »
Karate Wado Ryu

Offline bruno_leite

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 417
  • Votos: +0/-0
  • Espírito Inabalável...
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #12 Online: Janeiro 20, 2012, 21:25:50 »
Vai do pensamento de cada um...
1- Pensei ter visto uma faixa marrom na cintura do segundo indivíduo. Contudo, mesmo para um Chairo-obi, ele ainda precisaria melhorar muito.
2- Quanto a conduta do professor, não ví nada demais... e na minha opinião, num kumite contra mulheres ou contra adolescentes, deve-se maneirar no contato msm. Discordo apenas de conceder uma faixa preta para qualquer um dos dois que apareceram no vídeo.
3- No Dojo onde treino, havia uma garota que era deficiente auditiva, mas era MUITO boa para o grau dela (3º kyu). Concordo que Karate deve andar de mãos dadas com a inclusão, mas acredito que não se deve graduar alguém a um nível no qual sua capacidade técnica não se adeque. Um analfabeto não pode tirar CNH. Uma pessoa com problemas mentais que, por consequência, apresenta problemas motores, para mim, também não deveria se graduar shodan.

Não estou, de maneira nenhuma, descreditando a importância que o Karate teve na suposta reabilitação deste rapaz. Se ele é um vitorioso em relação a superar seus limites, ótimo! Mas acredito que uma faixa preta signifique mais do que simplesmente "superação".

Lembrando novamente, que isto é uma questão de opinião de cada um...

Oss.
"A victória depende da habilidade que temos em distinguir as vulnerabilidades, naqueles que pensam que são invulneráveis."
Gichin Funakoshi

Offline Mestre Luciano

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 728
  • Votos: +0/-0
  • Treinando com afinco para lapidar o espírito.
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #13 Online: Janeiro 20, 2012, 21:28:14 »
As pessoas com transtorno mental devem SIM ser incluídas em qualquer tipo de atividade, seja Karate, Judo, Futebol e etc... Eles não são PIORES que nenhum de nós, apenas possuem "uma forma diferente" de enxergar o mundo e como Karatecas, Professores, Instrutores ou seja lá o que for, devemos criar meios para que seja possível treinar estas pessoas. Isto é HUMANIDADE! Aprendemos mais com eles do que com muitos "senseis" que tem por aí!

Quer saber o que é SUPERAÇÃO?! Receba um Deficiente Físico ou uma pessoa com transtorno mental em seu Dojo. Talvez vc venha a perceber que o VERDADEIRO "deficiente" é vc!

OSS
ルチアーノ - Luciano - Karateca e Judoca.
Kyokai Karatê Dojo        www.kyokai.com.br

O Karatê deve ser treinado e não discutido. OSS

Offline KATASHOTOKAN

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 873
  • Votos: +0/-0
  • KARATE-DO só quem pratica sabe a força que tem
Re:Exame p/ shodan - Federação
« Resposta #14 Online: Janeiro 20, 2012, 21:47:57 »
Pessoas desabilitadas mentalmente devem ser incluidas sim, no Karate.
O que me diriam entao do karate em cadeiras de rodas, desenvolvido por ASAI SEnsei?
Porem, o cara fazendo pra terceiro Dan estava muito bom..pra ser faixa laranja no maximo. Fora o Mestre dele, que nao tem nenhum respeito com os alunos, chutou a bunda do cara antes do exame. Viram a quantidade de DIPLOMAS na parede? Ele quer aparecer??? Conseguiu.
Dentro em breve deve virar Celebridade, ja que neste PAIS PRIVADA, $%&! VIRA CHOCOLATE!!
Oss! Quem chuta o rapaz, Trata-se de um 5º dan (godan) é o presidente da federação sergipana de karate filiada à CBK, e pelo que parece é o presidente da banca examinadora.
“O propósito supremo do KARATE-DO não está contido na vitória, nem na derrota de adversários, mas, no aprimoramento do caráter, da personalidade e da honra de seus praticantes."