Autor Tópico: Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê  (Lida 2111 vezes)

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Online: Novembro 02, 2013, 12:31:44 »
Olá pessoal,

   Sapeando sobre um boato de Internet, acabei deparando-me com outro tópico, que tem (ou pode não ter) a ver com a saudação, no caso a saudação feita em pé.

   O link começa desmistificando o boato de que o professor não precisa se inclinar diante do imperador no Japão. Porém, no final, apresenta três formas de saudação em pé que fazemos.

   http://www.e-farsas.com/professores-nao-precisam-curvar-imperador-japao.html

   A pergunta que faço é: alguém já teve aula específica disso no Karatê? Da saudação feita em pé? O pouco que aprendi foi curvar-se, sem uma definição exata de ângulo, mantendo os olhos na pessoa a quem estamos fazendo a saudação.

   Alguma contribuição, já que estamos vivendo momentos mais filosóficos por aqui? hehehe

[]´s

Offline Felipe Andrade

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 685
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #1 Online: Novembro 02, 2013, 19:59:38 »
Eu sempre achei que isso era mentira.... enfim,

Eu acho que esse negocio de cumprimentar olhando nos olhos é coisa de ocidental.

Já vi em algum lugar que cumprimentar assim é falta de respeito.

Eu não olho nos olhos, inclino o tronco e a cabeça acompanha o movimento.
Furimukeba Tiisana Kinou, Me wo agereba Mugen no Ashita

Offline Platão

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 267
  • Votos: +1/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #2 Online: Novembro 02, 2013, 20:24:20 »
Não sei falar sobre os princípios que regem práticas de cumprimento.
Na academia que treino, e na anterior, o sensei dizia que se cumprimenta olhando no olho, por exemplo em kumite. No kata ele dizia que era olhando para baixo.
OSS!

Offline Mestre Luciano

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 728
  • Votos: +0/-0
  • Treinando com afinco para lapidar o espírito.
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #3 Online: Novembro 03, 2013, 09:17:41 »
Interessante o tópico!

Aprendo com um sensei que devemos manter uma distância segura, longe do alcance das mãos do oponente e manter o olhar para baixo, em direção aos pés do adversário, desta forma estaríamos vendo se ele atacasse, mas não sei se existe fundamento, entretanto acho que não existe um consenso com relação ao assunto. Nem mesmo entre japoneses creio haver consenso. Já treinei com vários japas e percebi que cada escola é diferente uma da outra.

OSS
ルチアーノ - Luciano - Karateca e Judoca.
Kyokai Karatê Dojo        www.kyokai.com.br

O Karatê deve ser treinado e não discutido. OSS

Offline KATASHOTOKAN

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 873
  • Votos: +0/-0
  • KARATE-DO só quem pratica sabe a força que tem
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #4 Online: Novembro 03, 2013, 11:12:15 »

em Musubi-Dachi, inclinar-se para frente ângulo 20º aproximadamente braços relaxados, colados ao corpo, coluna ereta; não olhar para o rosto da pessoa que está sendo cumprimentada, mas devemos ter uma visão geral da pessoa que estamos cumprimentando, bem como do ambiente.

Oss!
“O propósito supremo do KARATE-DO não está contido na vitória, nem na derrota de adversários, mas, no aprimoramento do caráter, da personalidade e da honra de seus praticantes."

Offline Tsuki

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.054
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #5 Online: Novembro 03, 2013, 12:42:25 »

em Musubi-Dachi, inclinar-se para frente ângulo 20º aproximadamente braços relaxados, colados ao corpo, coluna ereta; não olhar para o rosto da pessoa que está sendo cumprimentada, mas devemos ter uma visão geral da pessoa que estamos cumprimentando, bem como do ambiente.

Oss!

Aprendi no Kendo que esse tipo de comprimento (20-30º) é feito ao adversário apenas. 
Comprimento a senseis ou autoridades deve-se inclinar 45º, olhando para baixo, mantendo sempre toda a coluna ereta. E o comprimento ao Imperador seria a quase 90º.
Oq define um bom Karateka segundo Shoshin Nagamine:

"Punho infernal, coração santo."

Offline Lourival Silva

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 429
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #6 Online: Novembro 04, 2013, 08:35:05 »
Citação de: Felipe Andrade
Eu sempre achei que isso era mentira.... enfim,

Eu acho que esse negocio de cumprimentar olhando nos olhos é coisa de ocidental.

Já vi em algum lugar que cumprimentar assim é falta de respeito.

Eu não olho nos olhos, inclino o tronco e a cabeça acompanha o movimento.

Já ouvi falar essa do professor, que a ideia de olhar nos olhos para os orientais pode parecer ofensivo e quanto mais se curvar mais respeito será demonstrado.

Uma ideia seria perguntar para o Pinto San. Ele não esta morando no Japão?

OSS!


Offline Cabadapest

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 990
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #7 Online: Novembro 04, 2013, 08:55:59 »
Uma ideia seria perguntar para o Pinto San. Ele não esta morando no Japão?

OSS!

Acho que alguém poderia sugerir esta explicação para um dessas matérias, incluindo tudo sobre Reigi, pois acredito que é de interesse de todos, ou pelo menos deveria ser.
O que venho observando é que tem aula que parece a missa do "domingo de ramos", é tanta coisa no cerimonial que eu fico confuso, tem até gente exigindo a molecada "rezar" o Dojo Kun em japonês, será que estão exagerando ou é assim mesmo?

Osu!!!!
"Aquele que está consciente de suas próprias fraquezas será senhor de si mesmo em qualquer situação." Funakoshi.

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #8 Online: Novembro 04, 2013, 09:40:39 »
Prezados, sei que muitos vão querer me bater, mas eu não sou japonês, nem mesmo oriental... sou brasileiro, ocidental e capitalista...rsrsrsrs

Não faço saudação para imperador, nem pra Funakosh, mas para meus colegas de treino, os cumprimento apertando a mão e abraçando dependendo do nível de amizade que tenho com cada um. Com adversários me inclino o mínimo possível e parto pra dentro...

Sinceramente não vejo necessidade de mantermos padrões que não são de nossa cultura, principalmente porque se adotamos uma parte da cultura é demagogia. Ou adota tudo ou não adota nada... e duvido que alguém aqui adote toda a cultura japonesa, e isto eu digo em tudo, inclusive na vida fora do dojo!

Eu creio fielmente que o karatê ele independe de certas coisas!

Um abraço a todos!

Offline PSekiMG

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.456
  • Votos: +0/-1
  • Não existe atitude ofensiva no Karate ― Shoto.
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #9 Online: Novembro 04, 2013, 09:53:27 »
Osu,

"Karateísmo" dá nisso...

... por falar em cultura, qual a nossa cultura mesmo?

Osu.
A força física sem respeito nada mais é que força bruta, e para os seres humanos não tem nenhum valor ― Shoto.

Offline Tsuki

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.054
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #10 Online: Novembro 04, 2013, 10:17:37 »
Prezados, sei que muitos vão querer me bater, mas eu não sou japonês, nem mesmo oriental... sou brasileiro, ocidental e capitalista...rsrsrsrs

Não faço saudação para imperador, nem pra Funakosh, mas para meus colegas de treino, os cumprimento apertando a mão e abraçando dependendo do nível de amizade que tenho com cada um. Com adversários me inclino o mínimo possível e parto pra dentro...

Sinceramente não vejo necessidade de mantermos padrões que não são de nossa cultura, principalmente porque se adotamos uma parte da cultura é demagogia. Ou adota tudo ou não adota nada... e duvido que alguém aqui adote toda a cultura japonesa, e isto eu digo em tudo, inclusive na vida fora do dojo!

Eu creio fielmente que o karatê ele independe de certas coisas!

Um abraço a todos!


Eu nao concordo!  Creio que quem pratica alguma forma de Budo, tem que seguir os padroes de reigi do BUDO!

Oq nao tem nada haver com viver de acordo com a cultura Japonesa! Isso é radicalismo na minha opinião!!
Da mesma forma que nao precisa ser budista para prestar reverencia a Funakoshi sensei.

Budo sem reigi, nao é budo! Karate sem reigi nao é Karate!

Parece um pensamento inocente esse do amigo, mas é dessa forma que o Karate foi descaracterizado na maioria dos dojos e federações aqui no Ocidente! Ai nasceram os kimonos coloridos dos Norte Americanos, as faixas corais dentro do Shotokan, o excessivo apego a competitividade em detrimento aos reais valores do Budo, a nego colocando faixa por cima de hakama e acha que tá abafando...
Essas coisas.

Acho que que quem nao gosta disso, tem todo direito de nao gostar. Tem várias academias de Kickboxing e "MMA" espalhadas pelo mundo afora onde podem aprender a lutar sem ter que sequer ouvir as palavras "reigi" e "budo".

Pq ninguém ouve falar que o Kendo tá uma $%&!, que kendo foi descaracterizado, que kendo tá uma bagunça?? O reigi é rígido, os valores do budo são insubstituíveis, e por causa disso só quem realmente quer praticar é que fica! Quem está apenas de oba oba nao fica nem 03 meses. Talvez se o Karate tbm fosse assim, hoje teriamos um numero muito menor de praticantes, mas a qualidade desse grupo seria muito maior!

OSU!!
Oq define um bom Karateka segundo Shoshin Nagamine:

"Punho infernal, coração santo."

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #11 Online: Novembro 04, 2013, 10:44:06 »
Oh Tsuki, compreendo sua visão, mas veja o contra argumento que farei contigo... tudo numa boa...

O que tem acabado com o karatê não é a falta de apego as tradições de budo e outras coisas, o que tem acabado com o karatê é a característica do brasileiro de ser relaxado e não gostar de se esforçar.

Vamos ver se o que estou falando é verdade? Por que o único esporte que o brasileiro é realmente bom sem necessariamente ter que ir treinar fora é o futebol? Porque o futebol é um esporte em que a estratégia, a tática e a qualidade física não é necessariamente preponderante, mas o talento individual faz grande diferença. Exemplos, Romário, Walter, Casagrande, Garrincha, e tantos outros... Em esportes que dependem do treinar com afinco, buscando o ápice, o brasileiro beira o medíocre... salvo alguns fenômenos como os nomes que tivemos na ginástica olímpica e agora na natação.

Eu já comentei isso uma vez, vendo um vídeo de um treino de karatê na europa, o cara mandava "high kick" ao invés de mawashi geri... e aqui temos uma frescura com nome de golpe que beira o sacerdócio do karatê, não que não ache interessante e até tenha uma certa importância, afinal, torna possível que treinemos em qualquer dojo que use as terminologias padronizadas. Mas daí tornar de suma importância, é desnecessário!

Se fala tanto na defesa dos costumes do karatê, e o que mais vejo neste forum é gente falando que não gosta de treinar kata... compreende o que digo Tsuki?

Meu amigo, treino karatê desde os meus 14 anos, maior parte deles com senseis híper tradicionais, aprendi todas essas coisas aí, dojo kun, budo, e tantas outras, e nem por isso me senti mais karateca por causa disso... e hoje que afirmo que meu budo é a bíblia, meu dojo kun é a não violência e viver em paz comigo e com meu inimigo, ainda me sinto tão karateca quanto o cara que treina no Rio Grande do Sul, durante o inverno gaúcho, debaixo de uma cachoeira como naquele vídeo dos japocas no "This is Karatê".

Karatê é uma luta, não uma religião ou cultura... A cultura é japonesa, logo posso adaptar o karatê a minha cultura, e religião cada um tem a sua!

No mais meu amigo, sabe que te respeito, o discordar faz parte...rsrsrsrs

Aquele abraço!

Offline PSekiMG

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.456
  • Votos: +0/-1
  • Não existe atitude ofensiva no Karate ― Shoto.
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #12 Online: Novembro 04, 2013, 11:58:40 »
Osu,

Eu acho que nós deveríamos falar em Tupi Guarani...
... porque português não é o idioma nativo desta porção terrestre.

Osu.
A força física sem respeito nada mais é que força bruta, e para os seres humanos não tem nenhum valor ― Shoto.

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #13 Online: Novembro 04, 2013, 12:53:23 »
Citação de: Felipe Andrade
Eu sempre achei que isso era mentira.... enfim,

Eu acho que esse negocio de cumprimentar olhando nos olhos é coisa de ocidental.

Já vi em algum lugar que cumprimentar assim é falta de respeito.

Eu não olho nos olhos, inclino o tronco e a cabeça acompanha o movimento.

Já ouvi falar essa do professor, que a ideia de olhar nos olhos para os orientais pode parecer ofensivo e quanto mais se curvar mais respeito será demonstrado.

Uma ideia seria perguntar para o Pinto San. Ele não esta morando no Japão?

OSS!



Passei o e-mail pra ele. Aguardemos pelas novidades.

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Saudação: boato do professor e aplicação no Karatê
« Resposta #14 Online: Novembro 04, 2013, 13:06:07 »
PsekiMG,

O português pode não ser a lingua nativa, mas é a oficial!