Autor Tópico: Exemplo a não ser seguido  (Lida 683 vezes)

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Exemplo a não ser seguido
« Online: Setembro 07, 2012, 11:36:49 »
   Embora tenha usado este título, eu me irrito, porque gostei do depoimento. Sou um ignorante mesmo. Se fosse relatado de outra forma eu não teria gostado tanto.

http://esporte.uol.com.br/lutas/vale-tudo/ultimas-noticias/2012/09/07/lutador-e-tecnico-de-mma-renzo-gracie-narra-tentativa-de-assalto-e-luta-com-ladroes-no-twitter.htm

[]´s
BigBoy

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Exemplo a não ser seguido
« Resposta #1 Online: Setembro 07, 2012, 14:14:07 »
Esse Renzo Gracie, é o maior anedotista do planeta... você acha mesmo BigBoy que isso aconteceu mesmo?

Saca que a história não faz sentido... como ele digitou no Twiter e ainda assim fingiu-se bêbado, e ainda tinha a certeza que os caras estavam desarmados? Ainda dá uma sacaneada no Brasil como se em NY não fosse violento também... E como ele digitava tanta coisa com tanta ação? Como ele ficou andando procurando o outro cara? Por que ele não chamou a polícia após segurar o primeiro miliante? E o segundo? Muito mal contada essa história... toda hora escrevendo "minha mão dói muito" como se fosse uma redação de uma história de guerreiro medieval japonês...

Outra, ele diz que tirou a foto do cara sangrando, entretanto, ele só tirou foto da nuca do cara, e eu não vi nenhum sangue... quanto ao sangue na mão? qualquer esmalte dá aquele efeito...

Pra mim, mas uma das bravatas Gracie pra vender a marca!!!

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Exemplo a não ser seguido
« Resposta #2 Online: Setembro 07, 2012, 14:47:04 »
   E, em meio a bravatas, derrotas e vitórias em lutas desde a década de 1920, com sua luta, mais antiga que a luta criada por Funakoshi, os Gracies continuam na mídia e nos ringues até hoje, né?

   Se fosse para essa família de lutadores ser composta somente por vigaristas ou viverem só de bravatas, logo no início da década de 1930 eles já teriam sido dragados por seus desafiantes no Rio, assim como tantos outros que inventaram suas lutas (mais de 20, só aqui no Brasil) e não foram adiante. Ao contrário, foi criado na então capital do país um ginásio para Vale-Tudo especialmente para estes desafios.

[]´s
BigBoy

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Exemplo a não ser seguido
« Resposta #3 Online: Setembro 07, 2012, 16:13:46 »
Oh Bigboy,

Não pense que desfaço ou desconsidero a importância da família Gracie e a eficiência do JiuJitsu. Não é isso! Só que entre as muitas histórias vitoriosas dos Gracies, tem também muitas histórias fantasiosas, e essa me cheira a uma delas!

Eu só acho que o cara nem precisa desse tipo de história (que pra mim é fantasiosa). Nem tão pouco, precisa passar essa marra toda... poxa, na boa... como vc mesmo inicia o título do tópico, exemplo a não ser seguido em tudo... nem na questão de forçar um encontro com miliantes ao invés de evitá-los, e nem a história de ficar "é isso que se sente quando está morrendo", ou ainda "com ele dormindo fiz questão de dar dois socos nos olhos dele, de manhã vai ficar parecendo um texugo"... entre outras frases de um marginal, não de um faixa preta de uma arte marcial que deveria dar o exemplo.

Repito amigo BigBoy, não desclassifico a importância e os méritos dos gracies em tudo que fizeram, mas essa marra deles e essas histórias fantasiosas que os mais novos da família criam, é de se lastimar!!!

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Exemplo a não ser seguido
« Resposta #4 Online: Setembro 07, 2012, 17:17:52 »
   Prezado Alexander, aquele que depois do surto do desafio num desses barracos de Tradicional vs WKF e chamou todo mundo pro pau, não pense que eu não percebi. Você, daquela época pra cá, ficou mais ácido... rs. Quase um marrento. hahaha. Não adianta dizer que terminava os posts com "fica com Deus" no final porque no texto você descia o cacete.

   Mas agora está quase voltando a ser bom moço. Não sei qual das duas vertentes é mais divertido. Que seja a que você goste mais, mesmo que não queira admitir o relato acima.

   Seguramente não apóio medidas na direção de reagir a assaltos.

   A questão desta família é a seguinte: muitos deles, principalmente estes com data de nascimento abaixo de 1970 como o Renzo, vivem dessa marra. Ele é irmão do "santo" do Ryan, ambos filhos do "santo" Robson. Tudo metido a marrento. Caras que têm balas alojadas em seus corpos que nem com cirurgia foi possível retirar. Mesmo assim, infelizmente, tais rolos e encrencas vêm a fazer parte de um folclore que a gente acaba lendo e acompanhando. "Quase que torcendo". E rindo. Eu rio, quando leio uma entrevista do Relson, por exemplo, um filho do Hélio que é nascido entre o Rórion e o Rickson. O cara é absolutamente fora da casinha.

   E tais encrencas, a exemplo daquelas em que se meteram o povo da Chute-Boxe, parece-me que traz para dentro da academia um ingrediente que, se dosado de forma apropriada, como que um veneno, acaba tornando a luta mais realista e eficiente.

[]´s
BigBoy

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:Exemplo a não ser seguido
« Resposta #5 Online: Setembro 07, 2012, 17:27:37 »
Também achei muito fantasiosa esta história, ainda mais sabendo que BJJ não é melhor técnica contra mais de 1 oponente.
Acho que é uma forma de se manter na mídia, uma vez que nos ringues/octógono faz tempo que nenhum  Gracie se dá bem.
Karate Wado Ryu

Offline adelirbaldin

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 31
  • Votos: +0/-0
Re:Exemplo a não ser seguido
« Resposta #6 Online: Setembro 07, 2012, 21:28:49 »
Enquanto isso o karateca vai pra casa com paz de espírito. Karate ni sente nashi.  ;D
Visite nosso grupo no Facebook: Karate & Taekwondo & Krav Maga - Toledo PR