Autor Tópico: Pedofilia  (Lida 4591 vezes)

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.859
  • Votos: +14/-25
Re:Pedofilia
« Resposta #15 Online: Dezembro 29, 2010, 18:44:10 »
Olá!
Acho que não entendi, vai ser nescessário a Sandra explicar um pouco mais.
 :D :D :D
Uma das formas de evitar a pedofilia, são os pais darem um pouco mais de atenção
como suas filhas ainda na infancia, se vestem se maquiam e o que e como dançam. Afinal comportamento e educação, se aprende em casa.
E não me venham com a conversa fiada de que as meninas se prostituem pela fome e pobreza.
Oss
Pedro
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

A. HIGINO

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #16 Online: Dezembro 29, 2010, 20:44:32 »
OSS...

O narrado pelo Pedro Sensei é uma grande verdade!
Certa vez eu ouvi uma mulher alertar uma mãe que a roupa da sua filhinha de 04 anos estava muito provocante e sensual.
Sabe qual foi a resposta da mãe?!
“O que é bonito a para se mostrar”
.........................

Camaradas e amiga sandraherbst...
Todo o exposto aqui é deveras importante, mas não terá nenhuma valia se nós não vislumbrarmos aonde reside o verdadeiro perigo.
O grande perigo não está nos pedófilos mundo a fora e a sua prática insana.
O perigo está nos pedófilos letrados que estão nas malhas do poder.
Existe uma lei perversa tramitando no Congresso Nacional denominada LEI DO SEXO CONSENSUAL, aonde uma criança de 13 anos de idade na alegação de que fez sexo com o velho miserável pedófilo de 56 anos por livre espontânea vontade, nada será imputado a essa pedófilo.
Ou seja uma criança é inimputável criminalmente por não ter o discernimento do seu ato, no entanto é facultado a essa mesma criança o discernimento quando se trata de sexo.
Absurdo!
Esse é o verdadeiro perigo!
Tornar o ato pedófilo LEGAL.


Saudações!
« Última modificação: Dezembro 29, 2010, 21:33:53 por A. HIGINO »

sandraherbst

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #17 Online: Dezembro 30, 2010, 02:20:12 »
Oss Pedro e Higino,
Como vcs pediram, vão aí as explicações.
O conceito de criança é algo recente (iluminismo), na sociedade. Na Grécia antiga os preceptores usavam sexualmente os seus mancebos, a pedofilia associada à pederastia era comum. O homem evoluiu e com ele a sociedade onde vivemos. Era comum meninas de 12/13 anos casarem-se muito cedo e terem muitos filhos. A expectativa de vida era muito baixa. Morria-se de tudo: fome. peste, parto, infecções, etc. A sociedade tal como a conhecemos tem um apelo midiático muito grande sobre SEXO, encontramos com ele o tempo todo desde a propaganda do desodorante até as vitaminas. Tudo é movido em função disto. Programas humorísticos, as roupas das apresentadoras de programas infantis, o conjunto musical em evidência, o carnaval, parece que as pessoas desde muito cedo vivem em função dele. Leis foram feitas para preservar as crianças e ao mesmo tempo leis foram feitas para que os pais não tenham ingerência sobre os filhos. Hoje a criança estuda, faz esporte, aprende linguas, algo inimaginável em tempos outros, onde isto era para poucos e abastados. É inimeginável que uma criança não esteja segura dentro de sua própria casa (os pais, segundo as estatísticas, são os mais freqüentes abusadores, seguidos de parentes próximos). Os artigos postados são auto explicativos. O importante é que temos meios de identificar quando a criança ou adolescente está sofrendo abuso, identificar um possível comportamento pedófilo e que o karatê pode auxiliar enormemente na recuperação da autoconfiança e auto estima das crianças vítimas de abuso . Higino, tópico reaberto.
Explicação dada
Oss
Gde abç
Sandra

sandraherbst

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #18 Online: Dezembro 30, 2010, 02:36:45 »
Mais uma coisinha,
Pedofilia tem relação com prostituição.
O primeiro artigo postado tem dados bastante precisos de como uma criança ou adolescente em situação de risco é levada a se prostituir em troca de dinheiro para drogas, alimento e até da expectativa de mudar de vida. Existe um vídeo associado ao artigo que eu não postei em função do acordo feito com o Renê para a reabertura do tópico, no que aliás, ele tem razão.
Não confundir a exploração sexual em troca de dinheiro(prostituição), com abuso sexual sofrido por criança e/ou adolescente dentro do próprio recinto familiar ou por pessoa aparentada e/ou "de confiança", este via de regra, ainda que não pareça, deixa seqüelas maiores. Existem vários componentes psicológicos envolvidos. Também estão relacionados no 2º artigo postado.
Já a erotização da criança pelos pais, deveria ser estudado em uma matéria a parte. É um fen^meno de massa, ocorrendo com mais freqüência nas classses sociais mais baixas e de baixa escolaridade, onde é importante seguir modismos. Isto não significa que o adulto possa servir-se deste expediente para dar vazão a perversões. Ser considerado adulto significa ser capaz de controlar seus impulsos e domar seus instintos. Ainda que a erotização precoce possa despertar a lascívia de alguns marmanjos, cabe lembrar que são adultos e responsáveis pelo que fazem.
Oss
Sandra

Dan

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #19 Online: Dezembro 30, 2010, 08:25:30 »
Citar
identificar um possível comportamento pedófilo e que o karatê pode auxiliar enormemente na recuperação da autoconfiança e auto estima das crianças vítimas de abuso...

Citar
cabe lembrar que são adultos e responsáveis pelo que fazem.

Isso é uma faca de dois gumes, por quê ?

Muitos pais, professores ou professor(es) tem medo de assustar os seus filhos, dizendo-lhes sobre a existência de pessoas que possam querer incentivá-los a tomar medidas com as quais eles não são confortáveis, gestos conhecido como "assalto sexual" e que deve parar. No entanto, eu não conheço nenhum adulto que, por medo de assustar as crianças face aos automóveis, por exemplo, não menciona o perigo de atravessar a rua sem olhar para os dois lados !
A maioria, senão todos os adultos nem sequer fazer a pergunta e repetido diariamente para que a criança atente para carros, olhar com cuidado antes de atravessar uma rua não, correr, etc.... Todas estas dicas essenciais são a considerar na segurança das crianças, e elas realmente são. Educar as crianças contra a violência sexual é tão essencial para sua segurança. Talvez foi neste sentido que Pedro quer exprimar-se.

- Você sabia que uma criança é 16 vezes é mais provável de serem vítimas de violência sexual do que para serem mortos ou seriamente feridos por um carro ?

- Você sabia que metade das mulheres sofrem violência sexual antes dos 15 anos ?

- Você sabia que, no caso de abuso sexual de crianças, estima-se que 9 em cada 10 vezes, que o crime não é condenado a qualquer autoridade por falta de provas ?

9 vezes fora de 10 crianças sofrem sem que ninguém seja capaz de intervir, porque ninguém sabe que existe agressão ou não quer saber...

Sandra sim, eu concordo que o Karatê seja "um" dos um fator preventivo contra Pedófilia e o ato sexual sobre menor. Mas tem um..... mas !! Isto é o problemo. Por que ?

Prevenir o abuso infantil é a primeira a conhecer, compreender e diagnosticar com precisão. Preferência sexual é gerido pela psique e é esta a gestão que devem ser abordados de conhecer a possíveis avarias e sua profilaxia. Na ausência de tal método, a prevenção de crimes contra as crianças poderia ser totalmente artesanal, aleatório, ou pseudo-científica...
Ja que no Brasil não existe formação reconhecido ao nivel nacional de Instrutores de Karatê em parceria com o MEC eo Ministério do Esporte adequada e, realmente responsável da disciplina específica, Karatê, mas sim em Educação Física Geral nas Facultades a dinheiro e Universidades Federais ou Público...., como é que há mesmo uma verdadeira prevenção, sabendo que às vezes são próprios Confederações, Dirigentes, Coordenadores, Técnicos, Professores, Instrutores, Atletas, Médicos, Massagistas, Árbitro, Juiz Técnico, Praticantes, Colaboradores.... que são os agressores e que não há, verdadeiras soluções !!....
Em todos os casos, infelizmente é manifesta incompetência e limitações da grande maioria, tambem dos psiquiatras neste domínio. Se escuta, empatia, simpatia, confiança, boa vontade e do reconhecimento da dignidade do ser, etc... pode fazer uma vida melhor e de aparente estabilidade, qualquer esforço fingindo entregar um trabalho verdadeiras causas e efeitos, pode muito bem ser aleatória, senão ilusórios quando não é realmente perigoso, como se a presença de enfermeira bem-intencionada poderia fazer sem que o médico seja realmente responsável.

A Psiquiatria atual diz que a pedofilia não é uma doença, o que não significa que os pedófilos estão livres de doença psiquiátrica que sofreu tambem os homossexuais ou heterossexuais. No entanto, essas condições podem deturpar a relação entre o sujeito e sua tendência e privá-lo do uso de sua consciência ou sua vontade, ele deve ser tratado de modo a restaurar a capacidade de auto estável sereno e voluntária. Algumas patologias da consciência virão a partir de um estado psicótico. Elas caem sob cuidados psiquiátricos, porque não pegar emocionalmente ou intelectualmente.... como retardo mental, alcoolismo e outras formas graves de alienação que esta é a parte das minhas respostas.
A percepção de medo é uma ação da alavanca relativamente rudimentares e dependente de outros factores tais como a culpa ou a flexibilidade da mente que a percebe. A culpa é em si um sentimento doloroso que deve ser a tensão psíquica é reduzida tanto pelos desejos posto que ele é derivado, quer pelo relevo interno através da fantasia, seja pela repressão ou esquecimento. A culpa pode ser endógena, verdadeira, sincera ou não, aprendi, convencional ou social. A culpa real reflete a real motivação.

Sandra... o grande problema e a psicoterapia e e a psicanálise que não são uma panacéia. Eles pressupõem investimento consciente e voluntária do analisando ! Em matéria judicial, a mistura de gêneros implícita obrigação liminar, cuidados administrativos ou judiciais para denunciar os abusos conhecidos dos analistas, e que podem comprometer o estabelecimento de uma relação de confiança com base em princípios de auto-determinação e independência do paciente, neutralidade e confidencialidade na relação até o inalienável, chegando ao ponto que qualquer tratamento é a possibilidade improvável, ilusória ou condenados vem ao fracasso.

No entanto, existem métodos que fazem o seu caminho e, já terem sido postas em prática e as soluções são possíveis durante vários anos e que diz respeito....... na castração química.

A castração química também chamado de tratamento com inibidores da libido é uma técnica de redução do desejo sexual pela administração de substâncias hormonais. Este método tem sido por vezes utilizados no passado para lutar contra a homossexualidade masculina. Ela agora é empregada nos Estados Unidos e alguns países europeus para lutar contra a reincidência agressor sexual. Alguns acreditam que a castração química é abusada: ao contrário de castração cirúrgica, a castração química não castrar a pessoa e é reversível com a interrupção do tratamento. Esta não é uma forma de esterilização. O uso da castração química está sendo discutido por causa de preocupações sobre os direitos humanos e possíveis efeitos colaterais que provoca. Hoje, apenas um estado ordenou a castração química para os pedófilos reincidentes: a Califórnia desde 1996.

Resumido, como não questionar a oportunidade de tal abordagem que conduz à confusão o terapeuta eo papel do vigilante e o poder vigilante de liminar na terapia?
Privar o réu de condições prévias para o atendimento poderia salvar a Sociedade atual.... para novas vítimas parecem questionáveis sobre um plano abrangente, pois enfraquece as possibilidades de tratamento, profilaxia, condenado à impotência e analítico criminosos em potencial para o sofrimento, crimes e sua ocultação. Voltar à justiça um quadrado, tendo amputado as áreas de atuação da psicologia, tem apenas uma arma: o medo.
Reforço das sanções torna-se inevitável por causa de sua relativa impotência em termos de prevenção. Em seguida, ele reforça o medo de pedófilos, uma motivação falsa apropriado, em um nível psicológico, não exacerbar, mas sim substituir a consciência das verdadeiras motivações e prevenção, não só pelo Karatê, as boas intenções,  a família....... que apesar de tudo se torna ainda mais inacessíveis.


Oss
« Última modificação: Dezembro 30, 2010, 09:29:09 por Dan »

sandraherbst

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #20 Online: Dezembro 30, 2010, 09:58:44 »
Oss Dan,
Não sei fazer bonitinho o texto e citação como vc...então vai assim mesmo.
Acredito no karatê como um meio suplementar para reaquisição de auto estima e auto confiança. Existe um link para um artigo demonstrando isto.
Quanto a pedofilia ser um "comportamento" e não uma "doença" existem vários estudos do gênero "quem nasceu primeiro: o ovo ou a galinha?".
As alterações no funcionamento das células são BIOQUÍMICAS e não apenas QUÍMICAS.
Isto quer dizer que se vc nasceu com um número normal de cromossomos e sem nenhuma anomalia genética, vc é NORMAL. Porém cada vez que somos expostos a um estímulo, nosso cérebro produz uma série de substâncias químicas (neuritransmissores, hormônios) em face a este estímulo. Quando uma criança é submetida a abuso, dependendo da ação do abusador, isto pode ser prazeroso (a criança sem saber que aquilo é errado e ser submetida a carícias) ou doloroso (se souber o que está acontecendo "de fato", com violência física e ameaça) e estas sençaões ficarão registradas de forma diferente em seu cérebro. Duas crianças submetidas à violência podem apresentar reações diferentes quando submetidas a um mesmo estímulo. Uma pode virar agressora e outra pode ficar encolhida no canto e virar a "eterna vítima". Hoje, é praticamente nulo, vc tratar um caso destes apenas com psicólogos. As alterações são tão profundas que geram várias síndromes, dentre elas a "Síndrome do Pânico", que necessita de tratamento químico e psicológico. Tanto     o cérebro do pedófilo, quanto o de sua vítima ainda tem que ser muito estudados. É análogo ao caso de homossexuais, existem correntes que dizem que é um comportamento, outras dizem que é uma alteração hipotalâmica e outros dizem que uma decorre da outra. Pasme, tem artigos publicados que remetem a cada uma das afirmações. O cérebro humano é algo fantástico e um campo maravilhoso para ser estudado. Acredito que um tempinho na cadeia, sendo sodomizado, talvez não leve à cura, mas, com certeza , o levará a lembrar por um bom tempo a dor que ele causou às suas vítimas.
Oss
Sandra

sandraherbst

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #21 Online: Dezembro 30, 2010, 10:21:40 »
Oi,
Me lembrei do 22,
Talvez não cure, mas ajuda "Desce Porrada".
E tem uma outra coisa. Pela nossa lei menores não podem se manifestar em juízo, Contudo, nestes casos, existe um acompanhamento prévio de psicólogos peritos, que avaliam a afirmação das crianças e verificam a procedência ou não da acusação.
Se fica observado indícios de abuso o juíz pode requerer que a criança se pronuncie na presença dos país e, antigamente, de um representante do Ministério Público. Quem dá andamento em processos, em casos de pedofilia, é o MP. Uma vez feita a denúncia ela é averiguada e o processo não para por vontade do acusador. Vc tem razão quando fala que os crimes não são punidos, para que haja apenamento é preciso que o crime seja configurado. No geral, inexistem provas (não do crime em sí) de que a pessoa indicada o tenha cometido. Geralmente é um crime sem testemunhas. Fica a palavra da criança contra a do acusado do abuso. Certeza de punição só o flagrante. A punição é ridícula. Já vi um sujeito preso por pedofilia ir cumprir o semi-aberto em uma escola pública (onde eu fazia parte da APM) e o sujeito ficava distribuindo balinha para as crianças. Descobrimos que fora a balinha para as mais novas ele ficava oferecendo dinheiro para as mais velhas sentarem no seu colo. Não basta prender, tem que tratar e monitorar as ações. Determinados tipos de crime demonstram uma natureza humana que cadeia não cura

Dan

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #22 Online: Dezembro 30, 2010, 11:18:54 »
Citar
Quanto a pedofilia ser um "comportamento" e não uma "doença" existem vários estudos do gênero "quem nasceu primeiro: o ovo ou a galinha ?".
As alterações no funcionamento das células são BIOQUÍMICAS e não apenas QUÍMICAS

Como eu disse anteriormente estamos hospedados em um tópico extremamente difícile e, muito, muito delicado... Várias questões surge-se rapidamente a partir do problema entre o ovo ou a galinha, entre o comportamento e a doença, entre química e bioquímica, prezada Sandra !....

Existem duas categorias de tratamento: por um lado, cura e drogas, como a Salvacyl que reduzem a produção de testosterona, o hormônio masculino. A eficácia destas é muito elevado. Em outros produtos que o impedem de se ligar aos seus receptores, como Androcur, eficiência aparentemente menos convincente. Freqüentemente envolvidos em ambos os casos, alguns efeitos colaterais, incluindo diminuição da libido e disfunção erétil, que afectam não só os desejos desviantes.

Mas pode-se pensar que esse tratamento eu iria garantia contra a repetição, com tu disser, no caso do pedofili em regime semi-aberto distribuindo balinha para as crianças ?

O mais que reduz significativamente o risco de recorrência em pacientes com uma avaliação psiquiátrica mostrou que eles sofreram controláveis invasivo e de impulso não aceitável em si mesma. Tratamento médico e psicoterapia é evidentemente essencial. E os tratamentos anti-hormonais não são uma panacéia, apenas ferramentas úteis disponíveis para o médico, os chamados "desvios sexuais". Hoje, a questão não é mais se trabalha a castração química ou não, mas como superar a relutância de alguns profissionais vis-à-vis do tratamento química e bioquímica, ou de qualquer outra natureza. Finalmente, a pedofilia é um problema de violência psicológica ou física ?

Quebrar a cabeça do pai reincidente no seu filho, martelado o $%&! do vizinho no canto da esquina do Dojo, apesar de ligar e de tentar a entender. Este pode ser um alívio para muitos, mas não a real..... solução, Sandra.

Pedro já mencionado, há uma solução ampla, ja os Pais, a familia, alguns Disque-Denúncia em Estado do Brasil, e tem que dar fortalecimento de Prevenção numa lógica social e educacional, como o mais importante para aqueles que já estão em decifrar em Projetos Sociais ou Programas de Reinserção Social ou qualquer sujeito relacionado ao crianças em si, seja o Instrutor Karaté realmente formado contre suas sintomas que prevalece sobre a pedofilia ou tendançia sexual !!

http://www.disquedenuncia.org.br/

Tambem a castração química pode impedir um dos "mecanismos" de desejo sexual em geral, para o mecanismo do desejo dos pacientes pedófilos, mas não aborda as suas causas profundas, que permanecem desconhecidos. Ao que seria bom é que alguns Países geralmente criam vários centros de assistência, investigação e formação dedicada a criminosos sexuais. Uma real e vontade mudança política profunda sobre a educação nacional de qualidade para todos. Neste contexto, talvez seria possível trabalhar sobre as causas e formas de tratá-los. Nenhum trabalho de fuga não pode ser descartada, inclusive a de uma determinação genética, a menos a pior solução...... violência com violência.

Oss
« Última modificação: Dezembro 30, 2010, 12:13:48 por Dan »

sandraherbst

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #23 Online: Dezembro 30, 2010, 16:01:44 »
Oss Dan,
As soluções clínicas e, inclusive, cirúrgicas são várias e todas eficazes a seu modo. Entretanto, cabe salientar, que estas são privativas de profissionais habilitados.
Dentro do contexto Dojô, o que podemos fazer é detectar alterações no comportamento da criança ou adolescente, auxiliar na recuperação das que passaram por este trauma e verificar se em nosso meio existe alguém com os traços que indiquem este tipo de personalidade e, em tendo evidências de sua ação, denunciar. Os artigos postados podem ajudar na identificação e na solução ou caminho já trilhado por outros profissionais nestes casos. Quanto ao tipo de roupa e erotização precoce cabe-nos lembrar que o pedófilo sente atração por crianças com característica de crianças e que, inclusive, se vestem como tal.
No artigo do projeto do Paraná tem muitos ítens que demonstram como isto é possível com o aprendizado do karatê. Semana que vem vou buscar novos artigos que possam interessar sobre este tópico. Seria interessante se vcs pudessem também postar artigos ou notícias referentes ao topico e discutíssemos. Cada 15 dias postarei algo de um estado. Dados estatísticos de prostituição infantil e de abuso doméstico. Vcs verão que em todos os estados isto acontece e que as formas e modo de ação não diferem muito de um para o outro, porém as ações governamentais são distintas de uma unidade federativa para outra.
Gde Abç ;)
Sandra

Offline bulldog

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 21
  • Votos: +0/-0
Re:Pedofilia
« Resposta #24 Online: Janeiro 13, 2011, 16:34:40 »
Que absurdo é esse que acabei de ler
O cidadão de nome Luiz Mott (conhecido lider do grupo gay da bahia diz
Pedofilia já! Enquanto ainda estou com tudo em cima...
leiam nesse blog o que esse sujeito escreveu, mas sugiro que pessoas com estomago fraco não leiam pois eu mesmo quase vomitei:
http://jaelsavelli.blogspot.com/2007/06/luiz-mott-pedofilia-j-enquanto-ainda.html

A. HIGINO

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #25 Online: Janeiro 13, 2011, 20:05:35 »
Camarada bulldog...

Todo movimento GAY luta pela libertinagem geral, aonde tudo é permitido.
Crime para eles é proibir as suas perversões.

Veja só como é o nosso Brasil:
PEDOFILIA é crime tipificado no Código Penal Brasileiro, e APOLOGIA a ilicitudes também é crime tipificado no Código Penal Brasileiro.
No entanto nada acontece com esses pederastas que abertamente expõe os seus Ideais Criminosos contra crianças indefesas.
Ao contrário, são ovacionadas e outorgadas a elas títulos e honrarias. Como é o caso desse indivíduo do site por você anexado.
Todavia, como é sabido por todos, HOMOFOBIA não é crime tipificado no Código Penal Brasileiro, mas está sendo usado para perseguir e intimidar as pessoas que democraticamente deveriam ter o direito que discordam disto ou daquilo.

Amigo, sinto muito dizer, mas as coisas vão piorar ainda mais, pois o povo Brasileiro na sua maioria esmagadora são como “ovelhas estúpidas” facilmente guiadas de um lado para o outro, e preguiçosos em pensar.

Saudações!

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:Pedofilia
« Resposta #26 Online: Janeiro 13, 2011, 20:08:08 »
Tchê, é de vomitar mesmo!
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

sandraherbst

  • Visitante
Re:Pedofilia
« Resposta #27 Online: Janeiro 14, 2011, 00:37:24 »
Oss.
Já pensou  se todos pudessemos externar o que sentimos e pensamos ?
Eu, particularmente. gostaria de apedrejar este FDP em praça pública. Moer ele e todos pedófilos iguais a ele a pedras. Eu teria um "P" tesão em fazer isto.
Como prazer é algo bastante subjetivo, cada um tira o seu de onde pode.
Pena que, por hora, a lei não permite que eu me dê este prazer e, nem a ele manifestar sequer em palavras o seu.
Assim como ele cita tribos várias onde esta aberração é normal posso citar vários livros onde esta cria do DEMO deva ser apedrejada até a morte. (Bíblia, Alcorão e Torá).
Nestes livros fica bem claro o que se deve fazer com estas bestas travestidas de humanos.
  >:(