Autor Tópico: Bonito, né?  (Lida 5072 vezes)

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Bonito, né?
« Online: Fevereiro 28, 2012, 20:19:57 »
Bonito, né rapaziada?

   Barraco generalizado, daí a gente entra, pra uma prosa rápida, já que me deu preguiça de trabalhar direto e a gente encontra aquela cidade fantasma do velho oeste, com os rolos de feno se embolando com o vento assoprando, aquelas portinholas de bar batendo ...

   Coloquei um post num vídeo do sensei Higino no youtube pra ver se ele aparece por aqui.
   Alguém sabe dele?

   Sensei Higino foi dono da seguinte frase (já contei isso em outro post, em detalhes):
   "Até a Exaustão do Corpo e Agonia da Alma".

   Outra vez, perguntei sobre os katas shotokan, todos e as formas que ele era avaliado. Ele se voluntariou e escreveu pacientemente kata por kata e o perfil de avaliação.

   Sumiu o grande homem...

   Pô gente, vamos conversar de karatê sem tanta aspereza, se me acham digno de dar uma recomendação, ok?

[]´s
BigBoy
« Última modificação: Fevereiro 28, 2012, 22:26:53 por BigBoy »

Offline bruno_leite

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 417
  • Votos: +0/-0
  • Espírito Inabalável...
Re:Bonito, né?
« Resposta #1 Online: Fevereiro 28, 2012, 22:21:01 »
O grande problema é a batalha de egos... cada um querendo ser mais fodão dono da verdade do que o outro... Tem Professor aqui que só não é mais arrogante por falta de espaço...
e tenho dito! ;D

Oss.
"A victória depende da habilidade que temos em distinguir as vulnerabilidades, naqueles que pensam que são invulneráveis."
Gichin Funakoshi

Offline Shodo

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 362
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #2 Online: Fevereiro 28, 2012, 22:34:16 »
Concordo em gênero, número e grau.

Offline biancuzzi

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 201
  • Votos: +1/-0
    • Kenshusei Karate
Re:Bonito, né?
« Resposta #3 Online: Fevereiro 29, 2012, 00:12:42 »
Sabe qual é o problema?
Tem muita gente cheio de "não me toque, não me rele".

Algumas pessoas confundem uma simples opinião com agressão.
Outro grande problema é não respeitar que pessoas diferentes pensam diferentes.

Não sabem simplesmente ouvir e entender vários pontos de vista.
Não deixem de acessar:
http://www.kenshuseikarate.com.br

Quer kimono de qualidade?
Acesse: http://loja.kenshuseikarate.com.br

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:Bonito, né?
« Resposta #4 Online: Fevereiro 29, 2012, 12:43:06 »
Quer se dar bem aqui? Fale apenas de lendários karatekas paulistas dos anos 70, e nunca demonstre opinião própria.

No fim só o que sobra do fórum é conhecer experiências de pessoas de diferentes lugares em relação ao karate, pois nenhum assunto se desenvolve sem que chegue aquele cara que se acha o chefão do karate dizendo o que é certo ou errado baseado no que sei lá quem disse que era.
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #5 Online: Fevereiro 29, 2012, 13:21:46 »
É impressão minha, ou estamos todos chegando a uma conclusão que eu já tinha abordado no meu tópico "por que temos tantos conflitos no forum?" (ou coisa parecida...)

Mas parece que minha chatiação ganhou coro...

Um abraço a todos...

Obs.: Vou mandar um e-mail para o sensei Higino, que tem um jeito todo paraibano de ser "cabra macho sim senhor", mas que é um cara que aprendi a admirar (opinião pessoal), se ele não quiser mais voltar para o forum, beleza, mas vou manter contato com ele...

Um abraço a todos e fiquem com Deus!!!

Offline Gon

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 347
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #6 Online: Fevereiro 29, 2012, 13:38:38 »
Quer se dar bem aqui? Fale apenas de lendários karatekas paulistas dos anos 70, e nunca demonstre opinião própria.

No fim só o que sobra do fórum é conhecer experiências de pessoas de diferentes lugares em relação ao karate, pois nenhum assunto se desenvolve sem que chegue aquele cara que se acha o chefão do karate dizendo o que é certo ou errado baseado no que sei lá quem disse que era.

Perfeito!

Offline Bodhi

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 987
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #7 Online: Fevereiro 29, 2012, 14:16:25 »
Bom, não ia postar aqui, mas resolvi colocar meu ponto de vista já que tenho participado no fórum com alguma assiduidade. E isso na verdade reflete que eu o tenho  achado positivo.

Não sou o dono da verdade e tb não acho que exista "uma grande verdade", então por favor não tomem as colocações como arbitrarías.

 - O Karate requer muito investimento de "suor, sangue e lagrimas". Muitos anos mesmo. Assim como é dífícil entender o que significa 5000 mil anos, para quem vive um média de 80. É dificil entender que o Karate requer 10 a 30  anos (claro que dependendo da pessoa e dedicação) de vivência para se iniciar um entendimento do que é importante ou não na sua prática (só para constar eu ainda estou comendo grama para começar a começar a entender...). Dessa forma, não há muitas pessoas, considerando todas que começam a praticar, que tenham chegado no  ponto que "já ter entendido".

 - Outro ponto: o esporte amador é muito democrático e todos tem opinião. Os egos se sobressaem, vi isso umas mil vezes e cansa mesmo. No esporte profissional é diferente o técnico manda, o preparador físico manda, o atleta obedece a menos que caia duro o se lesione não tem conversa. Claro que no esporte prossional há brigas de ego, mas em um outro nível.

 -  Mas Karate não é esporte, é arte marcial que obviamente implica marcialidade.
( marcial
(latim martialis, -e, de Mars, Martis, mitónimo [deus romano da guerra])
adj. 2 g.
1. Relativo a guerra. = BÉLICO, GUERREIRO)

 - Não há democracia no sentido de "todas as opiniões devem ser levadas em consideração" em tempos de guerra. Trazendo para o Karate: há o certo e o errado. A prática certa de Karate e a pratica errada de Karate.

 - Juntando a primeira idéia com a segunda: não são muitas pessoas que podem orientar a prática correta do Karate. Elas passaram no teste que 95% falharam, persistiram continuamente de uma forma e de outra a seguir o caminho mantedo-se na linha de outro grande professor e por aí a diante. Claro que nesses 95% estão os que persitiram no erro de seguir um Karate errado, com professores errados. Muitos "Renshis" por aí tão a 30 anos fazendo "Karate" todo o dia. Mas um Karate errado, sem pedigree como já se escreveu por aqui. De boa intenção o inferno ta cheio.

 - Dessa forma, particularmente acho um privilégio ter encontrado professores que conhecem o Karate (como saber qual é "O" Karate. Bom aí realmente "cada um tem o Karate que merece"). Pessoalmente conheço alguns e, muito menos dentro do dojo, não me importo se eles são ríspidos como um general em relação a um soldado raso. Isso tem a ver com a arte marcial, que remonta a origem do Karate e de outras artes. Estou ali para aprender, e não para ensinar.

 - Claro que existem limites a respeito da cordialidade. Já presenciei um "Sensei" surrando a perna de uma aluna com uma shinai no primeiro dia de aula dela pq ela estava desorientada. Isso tem outro nome, e foge completamente a conduta dentro de um dojo, que implica compromisso de ambas as partes-professor e aluno.

 - Hoje em dia, as pessoas em geral, esperam de um DOJO de Karate o mesmo que espera-se ao chegar em uma academia qualquer que ofereça Muai Thai, boxe, etc: "simpatia e carinho". Dojo não é assim, não é necessário haver "aquela simpatia" (pode-se haver, e será melhor se houver, não é mesmo?) , mas espera-se outro nível de compromisso de ambas as partes: com a prática e conduta correta de um dojo de Karate.

 - Some-se a isso a questão cultural que faz parte do Karate. No Brasil tem Sensei Brasileiros de primeira linha, o que configura que já existe o Karate Brasileiro. No entanto as origens não podem ser simplesmente jogadas fora, a mercê da opnião e democracia geral. Portanto o respeito aos rituais do Karate (que são mínimos se formos comparar a outras artes marciais tradicionais) são  o primeiro  passo dentro do dojo. E o respeito a hierarquia de novo faz parte desse contexto no Karate (agora shinaizada como espancamento da perna ninguem deve aguentar não é mesmo?).

 - O "nosso Dojo virtual" é um espaço de convivio no qual eu acho importante, para continuar aprendendo mesmo quando não estou no "dojo físico", o entendimento dos pontos acima.
Hoje Sensei Lezon me explicou algo que talvez eu não tivesse oportunidade de aprender com ele de outra forma, em parte devido as possibilidades da palavra escrita. No entanto de que valeria eu dizer "ah isso não é assim" ? Bom, ele dedicou grande parte da vida a isso, para ele, na próxima pergunta não fara diferença responder ou não.

Eu só tenho  a agradecer a ele a oportunidade de poder pergunta-lo e contar com a sua resposta, assim como as atenções que o Sensei Roberto, Sensei Delia, Sensei Pedro e alguns outros Sensei graduados e experientes do fórum dão ao chuva de questões básicias que porventura coloco.

Acredito que com pequenos passos eu vou avançar, indenpendente de ter ou não "tchau" no final da resposta.

Tenho certeza que muitas professores graduados de referência acompanham o fórum, mas porque não escrevem ? Porque sempre há alguem que pode "cansar a alma" de uma pessoa que mesmo disposta a colaborar tem seu tempo e paciência com limites.

Acompanhei muitas postagens e aprendi muito com alguns Sensei que não escrevem por aqui muito tempo

- Então minha sugestão seria que em alguns momentos se assumisse uma conduta de dojo, conforme um bom dojo de Karate. Para quem não teve a oportunidade de aprender conduta de dojo de Karate, esta aí mais um ganho que o fórum pode trazer.

Desculpem se pareci muito assertivo, a inteção é apenas agregar.

Osu!
« Última modificação: Fevereiro 29, 2012, 14:36:10 por Bodhi »
______________________
心に空手道 Kokoro ni Karatedō

Offline marcelo dias

  • Jr. Member
  • **
  • Mensagens: 59
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #8 Online: Fevereiro 29, 2012, 14:20:16 »
Higino Sensei saiu do forum no meio de dezembro. Tentei achar o post de despedida dele e não achei, mas pelo que eu me lembro, ele saiu de vez. Removeu o cadastro.

Oss.

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:Bonito, né?
« Resposta #9 Online: Fevereiro 29, 2012, 14:44:07 »
Não concordo com o Bodhi sobre seguir a conduta de um dojo de karate aqui no fórum.

Dojo é dojo, internet é outra coisa. Respeito e cordialidade sempre, mas aqui é o lugar onde cada um pode e deve dar sua opinião, e se vire quem quiser discordar.
Dentro de sua casa cada um faz o que quer, mas impor sua opinião através de autoridade não só é falta de educação na casa dos outros (como a internet que ainda é um espaço público) como é uma ilusão.

Se sentiu incomodado? Não foi assim que aprendeu? O sensei sei-lá-quem disse que isso não faz parte do karate? Não é da sua federação ou estilo? - e todo resto dos motivos que geram picuinha?
A solução na minha opinião é:
Explique seu ponto com respeito, ou desapareça do tópico.

Nunca vi a moderação ser muito ativa aqui no fórum, mas regras de conduta deveriam ser bem mais claras... No dia em que a regra de um fórum de internet for jamais discordar de alguém mais velho, graduado, ou seja qualquer outro motivo, eu apago minha conta e saio sem reclamar.
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #10 Online: Fevereiro 29, 2012, 15:09:42 »
   Pensando no que o Bodhi colocou, lembrei-me de algo: somos alunos e professores conversando sobre o Karatê e, entre outros assuntos correlatos, seu aprendizado.

   Sou professor de outro assunto. Em fóruns (ao vivo) de educação, o pau come, fácil entre professores.

   Fóruns de alunos e professores, juntos, no mesmo lugar físico, sem extintor de incêndio, brigada de choque, gás lacrimogêneo e entre outros instrumentos "pedagógicos" de dissuasão, é um atentado.

   Temos aqui alunos, dentro dos quais eu faço parte e professores.

[]´s
BigBoy

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #11 Online: Fevereiro 29, 2012, 16:47:06 »
Tendo a concordar com o Bodhi em alguns aspectos, embora também tenha a opinião de que na internet, a liberdade de expressão é mandatória.
Porém, noto em algumas pessoas aqui do fórum certa petulância e falta de educação em seus posts. Tenho dúvidas se teriam a mesma postura numa conversa ao vivo, frente a frente.
Eu procuro sempre postar aqui as mesmas coisas que falaria pessoalmente. Tento não ofender ninguém e não paracer o dono da verdade (não sei se consigo, mas ao menos tento).
Karate Wado Ryu

Offline Shodo

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 362
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #12 Online: Fevereiro 29, 2012, 16:56:18 »
Senhores,

Vou ser sincero a vcs. Perdi complemente o tesão deste forum. O que poderia ser um ambiente descontraído, democrático se tornou num ambiente autoritário onde "profundos" conhecedores ao invés de expor seus pontos de vista tratam os novatos e os não experientes com sarcasmo.
Acho que deveria haver uma reformulação educacional no comportamento de alguns participantes deste forum.

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #13 Online: Fevereiro 29, 2012, 17:30:05 »
GEM,

   Observe a frase que você usou: "... a liberdade de expressão é mandatória...".

   Mas é isso que eu observo em fóruns, tanto de Internet quanto "ao vivo"... rs, exatamente por haver a liberdade.

   Eu optei por não absorver respostas que considero ruins para mim, a bem do bem maior que procuro.

   Semana passada postei num forum de mma uma pergunta sobre muay-thai que quase apanhei pelo teclado. Mas houve pessoas de bem que foram lá e me esclareceram e uma conversa interessante prevaleceu-se sobre a treta.

   É uma sugestão só, ok?

[]´s
BigBoy

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:Bonito, né?
« Resposta #14 Online: Fevereiro 29, 2012, 21:15:48 »
Olá BigBoy,

Liberdade de expressão não é falta de educação. Eu sempre exerci a minha sem faltar com o respeito a ninguém.
Mas acabei não entendendo a sua sugestão. Acho que perdi alguma coisa. ???
Karate Wado Ryu