Autor Tópico: O que você faria?  (Lida 1564 vezes)

Offline BigBoy

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.237
  • Votos: +1/-0
O que você faria?
« Online: Junho 17, 2012, 18:29:01 »
   Ciro Gomes, a caminho de um evento político, quis esclarecer decisões do governador, seu irmão Cid Gomes, do Ceará com relação aos professores da rede estadual que estavam de greve.

   Você manteria o controle nesta negociação? Manteria o sangue frio?

  

[]´s
BigBoy

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.859
  • Votos: +14/-25
Re:O que você faria?
« Resposta #1 Online: Junho 17, 2012, 19:41:39 »

Olá!
O que eu não entendo é o povo gastar tempo, discutindo com politico.
"NÃO EXISTE POLITICO QUE PRESTE"
E quem vota neles é um igual.
Um politico dizer que o governo não tem dinheiro para pagar
um salario decente para professores, é demais.
Eles só tem dinheiro para pagar os salarios de politicos, e para roubar.
São todos uns cretinos, povo e politicos.
Oss
Pedro
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:O que você faria?
« Resposta #2 Online: Junho 17, 2012, 21:55:49 »
Por esta e por outras é que apoio a campanha: NÃO REELEJA NINGUÉM!.
Karate Wado Ryu

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:O que você faria?
« Resposta #3 Online: Junho 18, 2012, 08:03:35 »
O que quer dizer o " Piso" ? Ou melhor, o que significa?
Hai!
Lezon
Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline GEM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.662
  • Votos: +0/-0
Re:O que você faria?
« Resposta #4 Online: Junho 18, 2012, 09:55:46 »
Caro Lezon,

O piso, falado várias vezes no vídeo, é o mínimo que um professor pode receber (seria o salário mínimo de um professor).

Oss,
Gem
Karate Wado Ryu

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:O que você faria?
« Resposta #5 Online: Junho 18, 2012, 10:14:15 »
Amigo GEM,

Fiquei devidamente esclarecido, muito embora eu tivesse imaginado isso, só que acho no mínimo caricato tal definição...

Obrigado pelo esclarecimento.

Hai!
Lezon
Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline julianoferreira

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 532
  • Votos: +0/-0
Re:O que você faria?
« Resposta #6 Online: Junho 19, 2012, 15:42:12 »
Sensei Lezon,

no Brasil temos o "piso" e o "teto"... o Piso costuma ser motivos de risos, e o Teto faz eu pensar em uma música do grande Zeca Pagodinho, famoso sambista brasileiro:

"Você sabe o que é caviar? Nunca vi nem comi, eu só ouço falar!"

hehehehehehehehe

cuteniu27

  • Visitante
Re:O que você faria?
« Resposta #7 Online: Junho 21, 2012, 05:26:30 »
para manter a calma

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:O que você faria?
« Resposta #8 Online: Junho 21, 2012, 08:23:29 »
Sensei Lezon,

no Brasil temos o "piso" e o "teto"... o Piso costuma ser motivos de risos, e o Teto faz eu pensar em uma música do grande Zeca Pagodinho, famoso sambista brasileiro:

"Você sabe o que é caviar? Nunca vi nem comi, eu só ouço falar!"

hehehehehehehehe

Amigo Juliano,

Eu achei caricato porque, na verdade, na língua portuguesa, o piso tem o seguinte significado:

- Modo de pisar ou de andar, terreno, solo, chão, pavimento, sobrado, parte superior de um degrau.
  Para o ( automobilismo ), superfície que constitui a banda de rodagem de um pneu, e para a  
  (Culinária )  trata-se de uma mistura triturada de alhos, coentros e azeite, usada como tempero na  
   açorda Alentejana.
  Também antigamente significava a Propina que as freiras pagavam, quando entravam para a
  comunidade.

  No latim ( pinso, -are), significa pôr o pé ou os pés sobre, passar ou andar por cima de. Percorrer,
  atravessar, calcar com os pés (ESMAGAR), moer em pilão ou gral,  melindrar, ofender; humilhar,
  magoar com  pancada, vencer, subjugar, dar passos, andar, caminhar, pisar aos pés, desatender,
  desprezar, pisar o palco e representar.

Dito isto, volto a repetir, acho muito caricato que lhe dêm o significado a um salário mínimo de um professor...

Quanto ao caviar, meu amigo, presumo que esteja a brincar. No entanto, devo dizer-lhe que a mim pouco me diz, ou seja, não o aprecio grande coisa, pelo que não dou um passo para o comer. Prefiro mil vezes uma boa sardinha portuguesa!

Hai!
Lezon

  


Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:O que você faria?
« Resposta #9 Online: Junho 21, 2012, 14:40:22 »
Quando em um país se paga o mínimo aos professores, e a polícia não incentiva a reação à um assalto, algo está muito errado.
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.859
  • Votos: +14/-25
Re:O que você faria?
« Resposta #10 Online: Junho 21, 2012, 14:52:45 »
Olá!
 No Brasil, a Polícia deveria ganhar o salário dos politcos,
 e os politcos deveriam ganhar os sallários dos policiais.
E os bandidos deveriam ser fuzilados como em Singapura.
Oss
Pedro
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

Offline GUICOMES

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.282
  • Votos: +0/-0
  • Rio Grande do Sul. Superior.
Re:O que você faria?
« Resposta #11 Online: Junho 21, 2012, 14:55:31 »
Agora entendi sobre Singapura, estava por fora.


http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1108115-comerciante-e-preso-apos-reagir-e-matar-2-ladroes-em-sao-paulo.shtml

Este mês teve tempo ruim pros vagabundos, mas mesmo assim a lei vagabunda do Brasil tenta ferrar os caras.
« Última modificação: Junho 21, 2012, 15:06:50 por GUICOMES »
Treine o que funciona, descarte o que não funciona ou é menos prático. Quem treina igual aos outros tende a ser como o resto.
You are all aware of the price of failure. (skeletor)

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:O que você faria?
« Resposta #12 Online: Junho 22, 2012, 08:30:34 »
Sensei Lezon,

Só para esclarecer, no Brasil, quando uma categoria profissional está falando de bases salariais elas sempre partem do que chamamos de Piso Salarial, que tem realmente o sentido de chão, o mais baixo, aquilo que está abaixo de nossos pés. Ou seja, o salário mínimo de uma categoria. Assim como muitas categorias no Brasil, inclusive na empresa onde trabalho, existe o Teto salarial, ou seja, o máximo que pode conseguir ganhar naquela carreira naquela empresa sem contar correções de inflação que fazem todos os anos para corrigir o salário. Um exemplo, no Brasil hoje existe um teto para contribuição previdenciária, pois não importaria se pagou mais, uma vez que você só receberá até o teto. Espero ter esclarecido definitivamente o entendimento dessa questão para o senhor.

Um abraço!!!

Offline J.Lezon

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 897
  • Votos: +4/-8
  • José Lezon, Prof.Karate Wado-Kai
    • www.karate-wadokai.com
Re:O que você faria?
« Resposta #13 Online: Junho 30, 2012, 08:57:09 »
Sensei Lezon,

Só para esclarecer, no Brasil, quando uma categoria profissional está falando de bases salariais elas sempre partem do que chamamos de Piso Salarial, que tem realmente o sentido de chão, o mais baixo, aquilo que está abaixo de nossos pés. Ou seja, o salário mínimo de uma categoria. Assim como muitas categorias no Brasil, inclusive na empresa onde trabalho, existe o Teto salarial, ou seja, o máximo que pode conseguir ganhar naquela carreira naquela empresa sem contar correções de inflação que fazem todos os anos para corrigir o salário. Um exemplo, no Brasil hoje existe um teto para contribuição previdenciária, pois não importaria se pagou mais, uma vez que você só receberá até o teto. Espero ter esclarecido definitivamente o entendimento dessa questão para o senhor.

Um abraço!!!

Amigo Alexander,

Estou devidamente esclarecido sobre o assunto, o que agradeço desde já. No entanto, para nós portugueses, isso não faria qualquer sentido, daí eu ter questionado. Já agora, digo-lhe que quando aí estive, e falando concretamente no salário, achei estranho outra coisa que por aqui na europa não existe.

Passei a saber que o salário mínimo nacional, no Brasil é diferente entre estados, por exemplo, o salário mínimo no Rio é superior ao de Pernambuco. Eu não queria acreditar, mas depois lá me explicaram e que remédio tive eu de compreender a explicação dada, mas  QUE JAMAIS ACEITAREI como válida! Na altura eu até disse que deviam passar a chamar salário mínimo estadual e/ou regional, agora chamar nacional NÃO! Que democracia aceita uma coisa dessas?

Por aqui o Salário mínimo nacional é igual em todo lado, tanto faz ser no norte, sul, oeste, distritos com custo de vida mais cara ou barata.

Hai!
Lezon 

Technical Director of  Karate-do Wado Portugal Association, and Generel Manager JKF Wado-Kai of Portugal
and International Technical Director of Brasilian Karate-do Wado-Kai Association - Examiner oficial JKF Wado-Kai - 7º.Dan

Offline Alexander dos santos

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.011
  • Votos: +0/-0
Re:O que você faria?
« Resposta #14 Online: Junho 30, 2012, 09:10:24 »
Bom sensei Lezon,

Não sei qual explicação que lhe deram, mas farei uma breve explanação. Realmente é estranho ter um salário mínimo nacional, e salários mínimos estaduais. O que acontece de fato é: O governo federal, estabeleceu o salário mínimo para que fosse assegurado um salário que fosse considerado o mínimo necessário para o sustento de uma pessoa. Se não funciona na prática é outra discussão. Entretanto, os estados, entraram num dilema. Cidades como Rio de Janeiro, São Paulo, que são grandes metrópolis, seguissem o salário mínimo nacional, teriam sua economia diretamente afetada. Estou falando de giro de mercado que não teria, uma vez que uma parcela considerável da população ganha o mínimo (comércio principalmente que é um percentual considerável da população). Não sei quantos estados adotaram o salário mínimo estadual. Aí o senhor vai me perguntar, mas então não seria o caso do governo federal aumentar o mínimo equiparando aos mínimos estaduais. No que eu respondo o senhor. A previdência social, usa como referência o mínimo federal, logo, esta instituição que foi tão vorazmente saqueada (a palavra é essa mesmo) por tantos políticos e funcionários públicos ladrões, que hoje é inviável se pensar nessa equiparação que a níveis individuais são até despresíveis, mas que a nível macro são números complicados de equalizar. Isso gera uma série de novos debates, mas...

Espero ter lhe ajudado, e ajudado outros a entender esse disparate que vivemos aqui.

Um abraço!!!