Autor Tópico: DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)  (Lida 2723 vezes)

Offline Luiz

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.124
  • Votos: +1/-1
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Online: Maio 22, 2006, 07:51:08 »
De mãe para mãe



 Desconheço a autoria, a quem parabenizo e assino embaixo.

 DE MÃE PARA MÃE
Hoje vi seu enérgico protesto diante das câmeras de televisão contra a
transferência do seu filho, menor infrator, das dependências da FEBEM em São Paulo para outra dependência da FEBEM no interior do Estado. Vi você se queixando da distância que agora a separa do seu filho, das dificuldades e das despesas que passou a ter para visita-lo, bem como de outros inconvenientes decorrentes daquela transferência. Vi também toda a cobertura que a mídia deu para o fato, assim como vi que não só você, mas igualmente outras mães na mesma situação, contam com o apoio de comissões, pastorais, órgãos e entidades de defesa de direitos humanos.
 Eu também sou mãe e, assim, bem posso compreender o seu protesto.
 Quero com ele fazer coro. Enorme é a distância que me separa do meu filho.
 Trabalhando e ganhando pouco, idênticas são as dificuldades e as despesas que tenho para visitá-lo. Com muito sacrifício, só posso fazê-lo aos domingos porque labuto, inclusive aos sábados, para auxiliar no sustento e educação do resto da família. Felizmente conto com o meu inseparável companheiro, que desempenha, para mim, importante papel de amigo e conselheiro espiritual.
Se você ainda não sabe, sou a mãe de um daqueles jovens que o seu filho quase matou estupidamente num assalto a uma videolocadora por um  trocado qualquer para poder se drogar, onde ele, meu filho, trabalhava durante o dia para pagar os estudos à noite. Por sorte o meu filho não morreu, mas o seu amigo, que também trabalhava para pagar os estudos e ajudar em casa, e que, acredite se quiser, também tinha uma mãe, morreu...
 No próximo domingo, quando você estiver se abraçando, beijando e fazendo carícias no seu filho, eu estarei visitando o meu e rezando para que ele possa sair dos corredores e ser atendido logo em um hospital humilde da periferia de São Paulo... e que as previsões dos médicos - de que ou ele morra ou vire um vegetal - estejam erradas. (enquanto a mãe do outro jovem nem isso pode, nem ao menos ter a esperança que eu tenho!!! A distancia que seu filho os colocou, é agora, impossível de se atravessar.)
 Ah! Ia me esquecendo: e também ganhando pouco e sustentando a casa, mas pode ficar tranqüila viu? Que eu estarei pagando de novo, o colchão que seu querido filho queimou lá na última rebelião da Febem, tá?
 Circule este manifesto! Talvez a gente consiga acabar com esta inversão de valores que assola o Brasil!
Direitos humanos são para os humanos ! ! !
"Aqui se cultiva o corpo e a mente"

Offline katsumoto

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.936
  • Votos: +1/-19
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #1 Online: Maio 22, 2006, 11:14:49 »
Querem apostar que vai aparecer alguém aqui  e DEFENDER essa FDP???
KATSUMOTO-Prof. Roberto Sant Anna

Neto110

  • Visitante
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #2 Online: Maio 22, 2006, 12:12:15 »
Oficialmente, nenhuma autoridade vai ficar contra uma família de menor infrator.  Mas as ações são diferentes: A estrutura FEBEM naõ reflete o que há de mais moderno no atneidmento a criança e adolescente infrator: é o que foi poss´´ivel ser feito.

Faltam: entendimento correto das políticas, profissionais qualificados, equipes coordenadas e o pior: sequêncaa nas ações. Sem sequência, nenhuma política ou ação pedagógica ou o que quer que seja alcança seu objetivo.

Agora, porém, eu vejo avanço: unidades com menos pessoas facilita para a equipe saber exatamente aonde o jovem em questão se dirige em seu caminho de vida.

marascas

  • Visitante
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #3 Online: Maio 22, 2006, 13:02:41 »
A mãe e pai de um meliante também são responsáveis pela $%&! que criaram. Seja por ação ou por omissão, mas principalmente por falta de bom exemplo. Desde a gestação até os dia em que ele comete o primeiro erro...

Offline Hapli-Komo-Leu

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 605
  • Votos: +0/-0
    • http://
FDP
« Resposta #4 Online: Maio 22, 2006, 13:20:10 »
Olá Pessoal!
Tem que matar todo o criminoso,porque não aguentamos mais ter que pagar comida,estadia e saúde para esses filhos da $%&!!
Maldade é genética,está no DNA.
OSS!
Hapli

Offline tzuki

  • Full Member
  • ***
  • Mensagens: 248
  • Votos: +0/-0
Banco de Órgaõs.
« Resposta #5 Online: Maio 22, 2006, 13:38:00 »
Hapli, ou então cuidá-los muito bem, já que utilizam do nosso dinheiro poderiam ser muito bem tratados.

Alimentação de primeira qualidade, atividade física no mínimo 3x na semana, descanso, tratamento médico e dentário, banho quente, enfim,  deixar o cara saudável.

Calma pessoal, isso seria para quando houvesse necessidade de um doador de órgãos, era só mandar os dados para a penitenciária e ver quem é compatível e retirar uma córnea, um coração, um rim e mandar o órgão retirado direto para o hospital para quem está esperando. Tornar o malandro um banco de órgãos vivo, assim ele salvaria vidas. Já que tirou muitas, salvaria algumas.

Até!!
"Quase todos os homens são capazes de suportar adversidades, mas se quiser por à prova o caráter de um homem, dê-lhe poder." Abrahan Lincoln

****...Jeff....****

Neto110

  • Visitante
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #6 Online: Maio 22, 2006, 20:00:33 »
Ainda bem que o mundo é plural e é gente como eu quem cuida destas questões. Maudade naõ está no DNA: está no descaso com o que se permite aprender, os únicos maus aqui são os omissos que cuidaram das gestões desta questão no passado.

Estou escrevendo a respeito de políticas públicas para a infânica e depois posto um resumo aqui para vocês verem que a criminalização da pobreza é um artifício que se usa para manter as massas sob controle: dividir para conquistar.

Não justifica condenar a morte um jovem que delinquiu...atrás dele tem uma família abandonada pelo estado e o problema está aí. Sou cidadão e fico indignado também mas é com o descaso das autoridades e o foco equivocado da sociedade, que sempre toma o caminho indicado nos argumentos aqui.

Offline Gustavo-RJ

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.475
  • Votos: +5/-2
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #7 Online: Maio 22, 2006, 20:15:46 »
VAMOS ECONOMIZAR AGUA. Na casa dos pais tb.

Chega de discurso politicamente correto, precisamos de segurança e paz.
"Ai se eu te pego, ai, ai."
Gustavo-RJ

Neto110

  • Visitante
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #8 Online: Maio 22, 2006, 20:18:28 »
Colegas do fórum, não há paz sem justiça social.

POlíticas perversas sempre geram desigualdades que resultam em gente como a que foi citada na carta.

Não somos nós os cidadãos que fazemos justiça social porque, naõ gerimos a coisa pública. Só podemos votar e cobrar providências dos eleitos. pressão sempre é bom, mas no rumo certo...

Offline Marcio-SP

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 587
  • Votos: +0/-0
Re: Banco de Órgaõs.
« Resposta #9 Online: Maio 22, 2006, 23:05:16 »
Citação de: "tzuki"
Alimentação de primeira qualidade, atividade física no mínimo 3x na semana, descanso, tratamento médico e dentário, banho quente, enfim,  deixar o cara saudável.



Eu tb quero tudo isso....E de graça, lógico!!!!!! E vou passar o resto da vida viajando, na faixa!!!!! Viva o comunismo!!!!!!
Oss!!

Offline yama

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 4.615
  • Votos: +11/-0
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #10 Online: Maio 22, 2006, 23:34:44 »
Oss Neto Sensei
Sabias palavras,mas a algumas pessoas que adoram viver do estado vejo-as muito por aqui e ainda por cima os proprios governos em todas as escalas se beneficiam disso pois vão para as planilhas como novos casos e são quase sempre os mesmos engoradando os cofres e não tendo ação nenhuma,mesmo assim tambem concordo que não devemos generalizar,ainda tenho esperança de ver algo melhor em cada um. Acho que estou viajando demais em sonhos antigos.

Oss
alberto/Santos.
yama-Alberto S. Almeida

Neto110

  • Visitante
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #11 Online: Maio 23, 2006, 07:06:18 »
Mudanças sociais implicam em coragem de admitir possibilidade de mudança. NOssa sociedade ainda naõ entende coo fazer isto e foi enredada por corjas de  profissionais da política (não só os políticos eleitos) que fazem qualquer coisa para manter seus salários e mordomias.

A estes eu naõ vacilaria em decretar a pena de morte, porque são os autores do caos social que vivemos, ams os adolescentes indicados pela história supra não, estes são infratores da lei e devem receber o que alei determina, que naõ é vingança, e é aqui que a maioria da sociedade naõ entende:justiça naõ é vingança.

POdemos ficar irritados com o ato de alguém mas não podemos vingar dele, devemos garantir a justiça, infelizmente o que se faz é apenas seguir as leis, cumprindo os passos do direito, e isto naõ é justiça na maioria dos casos porque as leis foram feitas para favorecer um grupo dominante.

Offline Arivaldo

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.357
  • Votos: +2/-0
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #12 Online: Maio 23, 2006, 08:49:49 »
A solução para esses e outros problemas que passamos no Brasil existe. Mas a quem interessa que seja tudo resolvido ? Aos politicos é que não, pois vão perder sua fonte de renda................................O que precisamos e começar tudo de novo. Nova colonização.................


Oss,

Ari - Santos/SP

Offline Luiz

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.124
  • Votos: +1/-1
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #13 Online: Maio 23, 2006, 09:24:29 »
Mas Neto o foco principal da carta é exatamente combater essa inversão de valores.

Todos concordamos que existe uma conivencia muito grande do estado com todo esse caos, por interesses diversos, porém o que eu particularmente não concordo é aparecer esses "caras" dos direitos humanos cobrando lista com nomes, boletim de ocorrência para saber o que realmente aconteceu, lista de atendimento do IML e por ai vai como se o bandido agora fossem os policiais que aturam contra esses bandidos.

E vou parar porque fiquei irritado :evil:
"Aqui se cultiva o corpo e a mente"

Neto110

  • Visitante
DE MÃE PARA MÃE (ASSINO EMBAIXO)
« Resposta #14 Online: Maio 23, 2006, 18:38:53 »
Luiz, eu trabalho com esta turma e nenhum deles jamais cogita em fazer coisa alguma fora da linha que discutimos aqui, o que eles pretendem fazer é coibir grupos de extermínio com o que naõ há como concordar, porque se tornam um terceiro poder e acabam saindo do controle.

A situação em cidades maiores é caótica e realmente naõ dá para comparar com minha cidadezinha de 70 mil habitantes, mas a natureza do trabalho aqui é a mesma da que deveria ser feita nas grandes cidades.

Bem, eu concordo com a mãe autora da carta em gênero número e grau. Nem criminalizo a miséria nem parto do princípio que a miséria qualifica todo mundo ao grau de "tadinho-sofredor".