Autor Tópico: Amenizar as dores  (Lida 18752 vezes)

Offline Luis Pacheco

  • Newbie
  • *
  • Mensagens: 18
  • Votos: +0/-0
Amenizar as dores
« Online: Setembro 21, 2007, 10:15:53 »
Oi!Esse é meu primeiro post na comunidade, achei muito legal, gente séria conversando sobre karate, uma ótima fonte de conhecimento!Espero aprender muito com vcs!

Uma coisa que me incomoda muito são as dores do treinamento, treino karate Uechi-Ryu, e o calejamento é constante, mas o problema é o próximo treino,sempre tenho que pegar mais leve pois já estou machucado, principalmente na canela, acabo nem chutando pois realmente não da. Tenho que ficar algumas semanas treinando leve, pedindo para baterem fraco.

O que vcs fazem para que isso não aconteça?

Abraços
Luis Pacheco

vladwoguer

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #1 Online: Setembro 21, 2007, 13:04:57 »
Isso é normal pra quem ta começando .
Com o tempo acustuma enquanto isso pega mais leve.
Ve se da pra usar proteçao quando ta machucado, mas nao sempre senao num da resultado.
oss

Offline Arivaldo

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.357
  • Votos: +2/-0
Re: Amenizar as dores
« Resposta #2 Online: Setembro 21, 2007, 13:34:57 »
Convivemos com ela..............e continuamos treinando e fazemos dela nosso companheiro de treino.

Ari - Santos/SP

Offline Pedro

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2.858
  • Votos: +14/-25
Re: Amenizar as dores
« Resposta #3 Online: Setembro 21, 2007, 16:33:04 »
Caro Luis Pacheco,
Vc. está iludido se pensa que vai ficar mais forte ou ser um bom Karateca com esse negócio de calejamento.
Com excessão do makiwara e do saco de areia,que fortalecem os ossos das mãos e pés.
Além de ficar com sequelas que serão muito ruins quando Vc. atingir mais idade,
o que fará que Vc. não consiga continuar seus estudos da arte do Karate,a cada dia, como Vc. mesmo mencionou,seus treinamentos pioram no dia a dia devido a dor.
Aprenda desde já que no Karate,não pode-se pensar somente em ficar forte para o ataque,e sim deve-se antes de mais nada,aprender a não ser acertado.Isso é mais inteligente.
Agora,quanto a dores em articulações e musculatura,se alguém souber como evitá-las sem parar de treinar,me avise,pois há 45 anos eu estou sofrendo desse mal.
 Estou postando este texto com a única intenção de ajudá-lo com o entendimento que tbm. a mim foi passado.
Oss!
Pedro
Com o "Obi", amarre seu corpo ao seu espirito,e vai em frente.

Lezon

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #4 Online: Setembro 21, 2007, 17:42:07 »
Caro Luis Pacheco,

Tudo o que disse o nosso amigo Pedro é a mais pura verdade, pois tal como ele eu padeço do mesmo mal.

Portanto, eu subscrevo tudo o que ele disse e, como também gosto de escrever um pouco, vou dizer mais qualquer coisa...

Meu caro, para além de todos os males que tem, os principais dos quais apontados pelo Pedro, interregue-se a si próprio se valerá a pena continuar com esse tipo de treino...pelo que o amigo descreveu, verifico que não é masoquista, pelo que em minha opinião deve parar imediatamente com esse tipo de treinos, pois além de todo o mal que causam não só no presente como no futuro, são uma mera ilusão!

O Pedro disse por outras palavras aquilo que eu costumo dizer aos que me têm paciência de aturar, devemos treinar com seriedade e honestidade para aprender a levar menos...

Hai!!  Oss!!
José Lezon
« Última modificação: Setembro 21, 2007, 17:44:27 por Jose Lezon »

Offline Rodrigo (Rodfu)

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 776
  • Votos: +0/-0
Re: Amenizar as dores
« Resposta #5 Online: Setembro 21, 2007, 22:33:39 »
Também penso como o sensei Pedro, condicionar é uma coisa, ficar se inflingindo lesões que não se pode suportar é coisa bem diferente. Acredito que o simples treino em duplas nos dá o "calejamento" necessário, sem que a gente precise passar por sessões de auto-espancamento. Não sei como funciona no Uechi-ryu, mas é preciso ponderar bem o tipo de treinamento a que se está submetendo.

Aproveito pra perguntar, talvez alguém saiba: não teria esse excesso de pancadas relação com a morte do sensei Takashi Shimo? Segundo me disseram, parece que teria alguma relação.
Abraços,
Rodrigo

Roberto Pimentel

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #6 Online: Setembro 21, 2007, 23:51:39 »
CALEJAMENTO PARA EVITAR NOCAUTE COM SOCO NA PONTA DO QUEIXO:

Procure um muro com aproximadamente 1,50 m de altura.

Pare a uma distnacia de uns 60 cm dele.

Cumprimente o muro respeitosamente com uma inclinação muito profunda (do tipo que se faz para grandes mestres) verificando que teu queixo se aproxime até uns 5 cm do topo do muro.

Faça uns 3 minutos de zazen de pé.

Cumprimente novamente mais 50 vezes em grande velocidade e descendo o queixo mais 10 cm que na vez inicial.

Pronto, depois de 50 porradas no muro teu queixo estará começando a ficar calejado e se alguem socar ele com força quebrará a mão (isso depois que vc tiver praticado o calejamento durante 2 ou 3 anos).





















CALEJAMENTO PARA EVITAR NOCAUTE COM CHUTE NOS TESTÍCULOS:

Procure uma mureta com uns 60 cm de altura.

Faça um kibadashi com um pé de cada lado dela.























hahahahaha ....................



Offline Luiz

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.124
  • Votos: +1/-1
Re: Amenizar as dores
« Resposta #7 Online: Setembro 22, 2007, 07:49:20 »

Aproveito pra perguntar, talvez alguém saiba: não teria esse excesso de pancadas relação com a morte do sensei Takashi Shimo? Segundo me disseram, parece que teria alguma relação.

Não amigo, essa relação não existiu.

OSS...
"Aqui se cultiva o corpo e a mente"

Lezon

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #8 Online: Setembro 22, 2007, 10:30:56 »
Bom, eu não resisto...tenho que dizer mais qualquer coisa para além do que disse no meu comentário anterior.

A mentalidade e a inteligência humana foi evoluindo ao longo do tempo. Com toda a sinceridade, o que me apraz dizer é que tais métodos e/ou formas de treino são uma pura idiotice!

Treinem com afinco, com o máximo de seriedade e com respeito com os seus apetrechos de treino que são os seus parceiros de treino, é a forma mais pura e correcta de treinar o Karate.

Hai!!! Oss!!   

Offline yama

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 4.615
  • Votos: +11/-0
Re: Amenizar as dores
« Resposta #9 Online: Setembro 22, 2007, 14:45:24 »
Oss Pimentel Sensei

Que imagens são essas que o Sr. colocou  que não abrem,deve ser bom quero ver??

Não posso falar muito que de vez em qdo além de makiwara  e saco de pancadas,gosto de ficar chutando postes e paredes,tem doido pra tudo :D :D :D :D :D :D

Oss
alberto/Santos.
yama-Alberto S. Almeida

Offline fcsergio

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 335
  • Votos: +0/-0
Re: Amenizar as dores
« Resposta #10 Online: Setembro 23, 2007, 00:03:30 »
" A mentalidade e a inteligência humana foi evoluindo ao longo do tempo. Com toda a sinceridade, o que me apraz dizer é que tais métodos e/ou formas de treino são uma pura idiotice!

Treinem com afinco, com o máximo de seriedade e com respeito com os seus apetrechos de treino que são os seus parceiros de treino, é a forma mais pura e correcta de treinar o Karate. ".

Concordo 100% com as afirmações acima.
Treinar o queixo para levar porrada na minha opinião é uma imbecilidade. Em pouco estará com dificuldade para abrir e fechar a boca (disfunção de ATM).
Melhor evitar de apanhar no queixo: melhora velocidade, esquiva e tempo de golpe e chegar zerado em casa.
Se é para fortalecer algo, que seja o abdome (abdominais) punho/soco (makiwara) e os chutes (saco de areia), com um puco de musculação, se quiser, para melhorar a potência dos golpes. E só !!!
O resto é sonhar que está treinando em Okinawa....

Roberto Pimentel

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #11 Online: Setembro 23, 2007, 12:57:09 »
Ossu.

Agora que já "zuei", como diz a minha filha, vou escrever sério.

Esse negócio de calejamento é treino da época que os conhecimentos médicos prescreviam sangrias para males não identificados e educação físico-desportiva morava nas cavernas.

Maltratar o próprio corpo e sentir dores por isso são pura e simplesmente maneiras de perder qualidade de vida. Existirão alguns entusiastas que defenderão as vantagens sob o aspecto psicológico desses maltratos auto-inflingidos. Pessoalmente não acredito que seja um grande sistema de preparo mental, apenas uma capa para afastar sentimentos de fragilidade.

Tem quem diga que bater as canelas em pilastras, árvores e outros tantos objetos rígidos fortalecem a tíbia. Na verdade, existem duas consequencias disso:

1) Vc cria microlesões óseas que ao se regenerarem formam micro calos ósseos nos lugares feridos. Isso aumenta a resistencia do osso sim, mas o ganho é mínimo. Ninguém vai conseguir duplicar a tíbia, nem aumentar sua espessura em 50%, nem 20%, nem 10%%, nem 5%.

2) Vc mata (necrosa) terminações nervosas (que são um sistema de alerta do próprio organismo) e sentirá menos dor nos impactos da tíbia contra alguma coisa. Mas não sentir dor não quer dizer que não está acontecendo uma agressão ao corpo. Apenas significa que a parte atingida está insensível.

Sinceramente acho que quem treina num dojo onde auto-flagelação é tido como ponto honroso do treino deveria pensar seriamente em trocar de professor.

Aliás, o excesso de agressões e violencia em treinos geralmente indica o pouco preparo e o pouco conhecimento do professor(?) que o ministra.

Alguém concebe um boxer profissional batendo a cara num saco para se calejar? Alguém concebe um treinamento de Judô sem tatames, para que os praticantes fiquem mais "durões"?

A prática do Karate, de qualquer outra arte marcial, de qualquer outra atividade física, deve ser benéfica a níveis corporais, mentais e morais.

E aqueles chineses malucos que ficavam enterrando os dedos em baldes de terra e pedras quentes o faziam na intenção de causar injurias em alguem trajando armaduras.
Claro que nunca conseguiam.
E os que não tinahm sérios problemas nas articulações das mãos, alguns anos depois, não passavam por esse sofrimento porque tinham morrido pelas espadas dos tais caras de armadura que pretendiam machucar.

Treinos que direcionam o praticante a lidar com seus medos e sua coragem são positivos.

Treinos que direcionam o praticante a investir esforços à valentias sem bom senso são negativos.

A linha de fronteira entre a coragem e a valentia coincide exatamente com a fronteira entre a inteligencia e a burrice.

Ossu.

thoryu

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #12 Online: Setembro 23, 2007, 21:19:12 »
Roberto Pimentel,

Vossa primeira postagem neste tópico, foi totalmente inútil e dispensável.

Já esta  segunda, remete todos à reflexão, ou seja, totalmente aproveitável.

Obrigado. Oss.

Luis Pacheco,

Apesar de eu não concordar com alguns sites que divulgam que o Uechi Ryu é o o "Único" Karate de Contato que existe, peço que continues postando. Acho que és o primeiro Karateca deste estilo que se coloca como nosso colega. Não ligues para certas adversidades neste Fórum, logo estarão te tratando como irmão. Oss.
« Última modificação: Setembro 23, 2007, 21:40:39 por thoryu »

Offline Avi

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1.933
  • Votos: +2/-1
Re: Amenizar as dores
« Resposta #13 Online: Setembro 24, 2007, 08:24:08 »
Oss thoriu

graças a deus temos voce aqui no forum para sempre dar a palavra do supremo tribunal.
"Permanecer no Eucarístico, em silêncio, espera e adoração, lapidando almas para Ele."

Lezon

  • Visitante
Re: Amenizar as dores
« Resposta #14 Online: Setembro 24, 2007, 11:52:35 »
Contrariando um pouco o Thoryu, eu tenho a certeza que não era capaz de ironizar com a situação, como fez Roberto Pimentel na sua primeira postagem.

Para questões estúpidas, a melhor resposta a dar será também com respostas estúpidas...e a ciatividade do Roberto foi para além da que eu seria capaz...

Já a segunda postagem dele, abordando o assunto com seriedade e sabedoria, concordo plenmente com o Thoryu, deve ser bem reflectido e aproveitado especialmente por aqueles que ainda possuem um certo obscurantismo nestas coisas...

Hai!!! Oss!!